quarta-feira, 29 de março de 2017

Anvisa proíbe fabricação e venda do energético Dopamina

Rio - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou, nesta segunda-feira, a proibição da fabricação, venda e comercialização do energético Dopamina. A resolução da Anvisa data da última sexta-feira, mas foi publicada no Diário Oficial da União de hoje.
Energético Dopamina é proibido pela AnvisaDivulgação
A medida foi justificada pela agência como de 'interesse sanitário', sem maiores especificações. Além da proibição, a Cerveja Imperial de Petrópolis, responsável pela marca, terá que recolher todos o estoque do produto no mercado.  
A bebida chegou ao mercado em outubro do ano passado. Em seu site oficial, o energético é descrito como motivador.
"A bebida que vem com taurina, cafeína e, principalmente, tirosina. Sim. Vamos continuar vivenciando ao máximo o mundo das possibilidades. E claro: cada vez mais se surpreendendo com a motivação, a concentração e a criatividade", diz um trecho da página.
Taurina e Tirosina são aminoáciodos não essenciais que ajudam no metabolismo das proteínas. A dopamina é um neurotransmissor associado a sensações de bem-estar, produzido pelo corpo.
Além da bebida, a empresa também comercializa bolsas, camisetas, porta-copos e outros produtos ligados à marca. Procurada pela reportagem, a Cervejaria Imperial de Petrópolis ainda não se pronunciou sobre o caso. Nas resoluções listadas pela Anvisa há citações sobre o critério de adição de nutrientes essenciais, especificando que o consumidor não deve ingerí-los em quantidade excessiva ou insignificante, adição de outro ingrediente em produtos com taurina ou cafeína que não descaracterizem o produto.
fonte: http://odia.ig.com.br/rio-de-janeiro/2017-03-27/anvisa-proibe-fabricacao-e-venda-do-energetico-dopamina.html

quarta-feira, 22 de março de 2017

Análise da Michele (Blog Monalisa de Baton)


Dias atrás eu postei aqui no blog sobre o produtinho do momento da Ageless que é conhecido como o botox instantâneo. Mas junto dele chegaram vários outros produtos da marca Jeunesse (linha Luminesce) pra eu conhecer. Demorei pra dar meu feedback pra vocês porque queria testar tudinho primeiro, e posso dizer gatas? Amei! Que babado é esse?

Sempre fui bem cética com relação a produtos para a pele e isso talvez porque nunca fui o tipo de pessoa que passava creme no rosto. Mas bem, vocês sabem que desde o ano passado tenho cuidado mais do meu rostinho (ai que delicada) e quando a Punk Beauty me mandou os produtos pra conhecer fui pesquisar mais sobre eles. Gente, fiquei passada no quanto a marca é boa, reconhecida e usada. A cada video ou antes e depois que eu via eu ficava ainda com mais vontade de testar.

Já fazem 30 dias que venho passando os produtos e o resultado é surpreendente. Vocês sabem que tenho melasma não é? E por conta disso me submeti a várias sessões de lasers. Mas como não é sempre que consigo tirar uma dias em off (porque as vezes preciso ficar sem maquiagem por conta do vermelho no rosto) eu aproveitei que estava há dias sem fazer pra testar os produtos. Passada, passada e passada de novo. Minhas manchinhas clarearam muito (mas muito mesmo) e até a minha linha de expressão deu uma super atenuada. Minha irmã até perguntou se eu havia aplicado o botox novamente (yep, já se passaram 9 meses da minha primeira aplicação e logo vou repetir).

Vou falar separadamente de cada produtinho porque TODOS eles são maravilhosos, mas sempre tem aqueles que a gente gosta mais não é? O que gostei na linha da Luminesce é que eles não trabalham apenas a prevenção mais o rejuvenescimento da pele. Isso mesmo que vocês leram meninas, os produtos nos fazem ficar com uma pele mais jovem. E quanto mais você usa, melhor. Fiz um antes e depois meu, mas busquei na googlesfera vários exemplos pra vocês verem a diferença. E o bom é que os produtos duram muito! O valor super compensa o tempo de tratamento viu, porque duram meses (no caso estou falando dos produtos agora tá? ehehe).

Eu uso todos os produtos que destaquei ali embaixo até porque começo o dia lavando o rosto com o Cleanser (que é um dos meus favoritos) e depois passo para a fase do Serum e logo após passo o protetor solar. Esse é o meu cuidado pela manhã, no período da noite passo apenas o Night Repair que é o meu favorito entre todos (acordo com a pele maravilhosa meninas, super sedosa). Assim ó, as vezes antes de fazer a maquiagem quando me sinto muito cansada eu uso o night repair minutos antes de me maquiar e o resultado do make fica muito bom, uma pele impecável. Os produtos podem ser usados separadamente viu, não é necessário usar todos. Mas quem quer ter um resultado potencializado eu recomendo ao menos o night repair, o Serum e o Cleanser.

E agora aquele antes e depois porque a gente é dessas que só acredita vendo, certo? Ó, já quero pedir um desconto pra minha cara nada bonita – resultado da câmera frontal que é malvada e vocês sabem – mas o que vale ali é a intenção de mostrar minha pelezinha como estava sem make. Vocês sabem que nada é do dia pra noite certo meninas? Mas o resultado em um mês de tratamento ja é impressionante e eu fico imaginando com a junção dos cremes (que é um tratamento a longo prazo) com o laser. Só vai melhorar não é?

E ai meninas, chocadas com o resultado? Vocês precisam ver a pele depois de começar a usar os produtos, fica incrível. Como eu disse lá no início do post nunca coloquei muita fé em produtos para o rosto (acho até que nunca postei nada sobre isso aqui no MB) mas depois que você usa um produto e vê o resultado não tem como não querer usar sempre. Ainda não testei o creme pra celulite (confesso que tenho preguiça de fazer massagem diária no culote ehehe), mas me disseram que é tão bom que têm que testar. Daqui uns dias faço o teste e conto aqui ok?


E aí? Está pronta para testar o produto? Fale comigo... posso ajudá-la.

Facebook: https://www.facebook.com/MarcioGarciaRJOficial/
Whatsapp: 21 981986559



terça-feira, 21 de março de 2017

Mais vida para suas células

Vidacell® é um suplemento alimentar 100% natural que fornece as células do organismo nutrientes vitais e essenciais que ajudam a fornecer suporte para uma ótima saúde. Vidacell® é feita com a distensão nativas especificamente selecionados de grãos de arroz que são colhidas na fase de crescimento auge da vida e em seu mais alto teor de nutrientes. Vidacell® vem do Vale do Siam da Tailândia, uma região do mundo conhecida por ter alguns dos solos mais férteis e não adulterado já encontrado, devido a milhares de anos de acumulação mineral orgânica natural. 


BenefíciosVidacell
Um estudo mostra a manutenção de colesterol saudável, HDL (colesterol bom) e LDL (mau colesterol) níveis após três meses de tomar Vidacell® 
• apoiar a sua capacidade de otimizar sua saúde 
• Fornece nutrientes essenciais para as células 
• Promove celular desintoxicação 
• Melhora o sistema imunológico 
• promove a produção de antioxidante 
• Melhora a clareza mental e concentrar 
• Suporta a regeneração celular saudável 
• Promove oxigênio no sangue 
• Melhora o sistema digestivo 
• Ajuda na luta contra os danos dos radicais livres 
• Promove bem-estar geral e vitalidade 
• é um conveniente fonte de baixas calorias de nutrição para toda a família 
Ingredientes 100% de ingredientes totalmente naturais. Contém alfa-glicanos (polissacáridos e polipéptidos). Não contém: stimulans, laticínios, trigo, glúten, açúcar, produtos químicos, enchimentos, ligantes, corantes artificiais, sabores artificiais, aditivos ou conservantes. 




Vidacell® é hipoalergênico e não geneticamente modificado (OGM não). 

Como utilizar 
A melhor maneira de utilização de VIDACELL® é agitá-lo ou misturá-lo com 4-6 colheres de líquidos (dissolve melhor com líquidos quentes) ou polvilhe sobre alimentos. VIDACELL® pode ser tomada a qualquer hora do dia ou da noite. No entanto, aconselha-se que, para ter uma melhor digestão, seja administrado 15 minutos antes de uma refeição. 

O tamanho da dose diária recomendada pode variar de pessoa para pessoa, dependendo do seu peso, tamanho e condição médica atual. Recomenda-se que os adultos devem tomar 1-3 porções por dia para manutenção diária. Adultos que têm distúrbios digestivos ou problemas de fadiga deve tomar 3 porções por dia por algumas semanas ou até que os sintomas indesejáveis tenham desaparecido.

As crianças devem tomar a metade das doses para adultos sugeridas. Idosos devem tomar 1-2 porções diárias. 

Cuidados 
Recomenda-se que todas as mulheres grávidas e lactantes consultem seu médico antes de tomar VIDACELL® como deveriam fazer com qualquer suplemento. 

Perguntas Frequentes 
O que é VIDACELL? 
VIDACELL é um alimento funcional único que fornece as células do organismo com nutrientes vitais e essenciais necessários para apoiar a saúde óptima. VIDACELL é considerado por muitos cientistas e médicos como um dos mais poderosos polissacarídeos e polipeptídeos alimentos funcionais disponíveis no planeta hoje.

Onde é que VIDACELL vem? 
VIDACELL vem do Vale do Siam da Tailândia. Esta é uma região do mundo conhecida por ter alguns dos solos mais férteis e não adulterado já encontrados devido a milhares de anos de acúmulo mineral orgânica natural. 


O que é feito com VIDACELL? 
VIDACELL é feito com estirpes nativas de frações especificamente selecionados de grãos de arroz que são colhidas na fase de crescimento, auge da vida e em seu mais alto teor de nutrientes. Estes grãos de arroz são tão única e pura que são patenteadas (Patente Tailândia # 20399) e são exclusivos para VIDACELL. 
Qual é o processo usado para fabricar VIDACELL? 
VIDACELL é feita usando um processo patenteado e inovador da tecnologia. Este processo extrai os nutrientes vitais da escolha grãos de arroz e reduz o tamanho das partículas para uma maior absorção de obter os nutrientes essenciais mais bio-disponível necessários para apoiar o processo de produção de energia celular.

Os polissacarídeos e polipeptídeos em VIDACELL são diferentes de outros alimentos ou produtos que têm polissacarídeos e polipeptídeos? 
Os polissacáridos e polipéptidos em VIDACELL são os únicos com alfa-glicanos, o que significa que as estruturas são tão pequenas que pode ser assimilado a 100% pelo corpo e, por conseguinte, ser totalmente absorvido para dentro das células. Outros polissacáridos e polipéptidos são beta-glucanos, que são moléculas maiores e não pode ser totalmente assimilados para dentro das células. É o processo usado para fabricar VIDACELL que assegura VIDACELL tenha as características funcionais que são necessários a fim de ser reconhecida pelas células do organismo. 

Como é que VIDACELL funciona? 
VIDACELL é facilmente assimilado e utilizado pelo corpo como alimento, e trabalha para melhorar processo de cura natural do corpo, ajudando a mitocôndria para produzir ATP (energia celular);permitindo o reparo do DNA para ocorrer e, assim, ajuda a reduzir o comprometimento do metabolismo da glicose / energia.

Quando devo esperar para perceber ou sentir uma diferença de tomar VIDACELL? Isso pode variar, dependendo da saúde geral do indivíduo e da quantidade de VIDACELL consumido. Em alguns casos VIDACELL pode produzir resultados positivos imediatamente ou dentro de alguns dias, enquanto que em outros casos, pode demorar semanas, afinal, a saúde e circunstâncias de todos são diferentes.  

Pessoas saudáveis ​​devem usar VIDACELL? 
Definitivamente, SIM! VIDACELL é benéfico para todos. Mesmo as pessoas saudáveis ​​são continuamente bombardeados e expostos a danos dos radicais livres, da radiação UV, o ar que respiramos, a água que bebem e até mesmo os alimentos que comem. VIDACELL ajuda a combater os efeitos negativos dos radicais livres e promover uma melhor saúde.



sexta-feira, 17 de março de 2017

Instantly Ageless: Funciona mesmo?

Ageless creme funciona mesmo como “botox instantaneo” ? Contamos toda a verdade sobre o instantly ageless,  seus benefícios efeitos e onde comprar mais barato!

Como está a pele do seu rosto? Muitas mulheres hoje em dia reclamam de rugas e flacidez. O pior de tudo é demonstrar muito mais idade do que a pessoa realmente tem. Esse problema causa aflição e até mesmo certa frustração. 
  
 No artigo de hoje iremos falar tudo sobre ele, do que se trata, como ele funciona e até COMPRAR MAIS BARATO COM DESCONTO, acompanhe!
 
https://vendedordireto.jeunesseglobal.com/pt-BR/instantly-ageless
https://vendedordireto.jeunesseglobal.com/pt-BR/instantly-ageless 
Instantly Ageless – do que se trata?

Indo direto ao assunto, o Instantly Ageless™ é um micro-creme anti-rugas que age instantaneamente na aparência dos sinais visíveis de envelhecimento. Um dos ingredientes revolucionários é o Argireline®, um peptídeo que tem uma efeito Temporário semelhante ao Botox®, mas sem as agulhas.


Instantly Ageless preço – Onde comprar mais barato?

Desconfie das lojas online e do mercado livre, existe muita falsificação por aí, o melhor lugar para comprar é o site oficial, CLIQUE PARA COMPRAR DIRETO DO FABRICANTE.


Quais seus efeitos?

O produto Instantly Ageless não promete resultados permanentes, então precisa usá-lo sempre para obter o efeito de “botox". São efeitos associados ao seu uso:

    Diminui visivelmente a aparência de linhas finas e rugas
    Apaga a aparência de olheiras e inchaço sob os olhos
    Minimiza a aparência dos poros
    Ajuda a melhorar a textura da pele
    Ideal para um acabamento impecável

 Se você ainda tem dúvidas se o Instantly Ageless é realmente confiável, fique tranquila! Ele realmente funciona, não causa danos para a pele e possui registo na Anvisa. Ou seja, não é um golpe e nem mais um daqueles produtos de beleza que prometem milagres e não cumprem. O produto foi criado para ser utilizado para uma ocasião especial – como um evento ou festa, por exemplo – em       que você precise se livrar das rugas naquele momento. De acordo com a fabricante, a famosa e aclamada Jeunesse, a ação do produto dura até 8 horas após a aplicação e o efeito especial pode ser visto em apenas 2 minutos depois do contato com a pele, mas é cada vez mais comum encontrar pessoas que fazem o uso diário do produto, principalmente por causa da relação custo benefício, já que trata-se de um produto com o preço bastante convidativo.
https://vendedordireto.jeunesseglobal.com/pt-BR/instantly-ageless 



Modo de usar
Passe levemente uma camada muito fina nas áreas específicas; deixe úmido na pele e permaneçam inexpressivos por 2-3 minutos, enquanto produto seca para alcançar resultados dramáticos. Um frasco geralmente dura 2-3 dias dependendo do uso individual.

Existem efeitos colaterais?

O Instantly Ageless, assim como qualquer produto estético, pode apresentar efeitos colaterais caso não seja aplicado de maneira correta, por isso é extremamente importante seguir direitinho passo a passo da aplicação.Alguns efeitos colaterais que podem surgir após o uso do produto são manchas vermelhas na pele, mas que passam em um ou dois dias, caso você utilize o produto e a pele apresente vermelhidão novamente, consulte um especialista.

Pessoas que têm predisposição a acne, irritação ou alergias, devem consultar um dermatologista para saber se podem utilizar esse produto.


Dicas importantes:

    O Instantly Ageless pode escorrer com água ou suor. Então, fique atento ao utilizar, principalmente se estiver em um evento importante.
    Para retirar o produto da pele, após o efeito de 8 horas, lave o rosto com água corrente.
    Evite passar base líquida no rosto após a aplicação do creme, pois ela também pode ajudar o produto a escorrer. Neste caso, opte por um pó compacto ou base compacta.
    Não há registros de contraindicações ou efeitos colaterais do Instantly Ageless, mas procure consultar o seu dermatologista antes de utilizá-lo, apenas para evitar susto

O que há em sua fórmula?

Na ampolinha do Instantly Ageless o ingrediente que faz toda a diferença é o argireline, que é um peptídeo que tem esse efeito na pele que lembra muito o botox. Além disso, este produto revolucionário conta com um complexo de minerais que foram desenvolvidos especialmente para alcançar áreas do rosto que perderam a elasticidade. Outros componentes presentes na fórmula do creme são: água, silicato de sódio, silicato de magnésio, hexapeptide acetil-8 (argireline), phenoxyethanol, ethylexylglycerin, amarelo 5 (Cl 19140) e vermelho 40 (Cl16035).
 
Não perca mais tempo!

Faça como milhares de mulheres e experimente os benefícios de uma pele bonita e saudável hoje mesmo, clique e confira:



Quantidade

Valor (por unidade)

FRETE GRATIS

De 01 a 05

R$ 20,00

De 05 a 10

R$ 15,00

De 10 a 100

R$ 10,00


https://vendedordireto.jeunesseglobal.com/pt-BR/instantly-ageless


quinta-feira, 16 de março de 2017

RESVERATROL: O SEGREDO DA LONGEVIDADE

Encontrado no vinho tinto e em alimentos como a uva vermelha e o mirtilo (blueberry), o resveratrol é uma substância que tem sido relacionada a uma série de benefícios à saúde.

Estudos desenvolvidos na última década indicam que o resveratrol pode combater inflamações e até mesmo oferecer proteção contra doenças cardiovasculares e determinados tipos de câncer.


O composto também parece ser um aliado na eterna luta contra o envelhecimento, propriedade esta que rendeu ao resveratrol o codinome de “pílula da longevidade”.

O que é o Resveratrol exatamente?
Resveratrol é um composto fenólico produzido naturalmente por algumas plantas com a finalidade de se proteger contra os ataques de fungos, bactérias e outros agentes patógenos. Cientistas encontraram resveratrol em uvas escuras, amendoim, algumas frutas vermelhas e pistaches.

Como está presente na casca da uva, o resveratrol também é encontrado no vinho tinto e no suco de uva.

Para Que Serve?
Uma das propriedades do resveratrol mais importantes para a saúde humana é o potencial antioxidante do composto.


Da mesma maneira que repele agentes agressores, o resveratrol também serve para combater radicais livres que danificam as células e promovem o envelhecimento precoce.

E como ainda apresenta atuação anti-inflamatória, o resveratrol pode ser utilizado para prevenir doenças do coração, baixar o colesterol LDL, reduzir inflamações crônicas e reduzir o risco de desenvolvimento de Alzheimer.

Todas essas propriedades do resveratrol atuam em conjunto para proteger o organismo e poderiam ajudar a prolongar a vida saudável.

– Aumenta a resistência física
Em 2012, pesquisadores divulgaram um estudo que afirmava, entre outras coisas, que o resveratrol pode beneficiar o músculo esquelético, aumentando a resistência física. No teste animal que teve duração de 12 semanas, foi observado que a suplementação com resveratrol promoveu um aumento na resistência física, no metabolismo oxidativo e melhorou a função cardíaca.

Segundo os autores do estudo, quando combinado com treinos de resistência, o resveratrol levou a um aumento de 21% no desempenho.

E se levarmos em consideração que o resveratrol reduz inflamações (bastante comuns em quem treina com intensidade) e melhora a função cardíaca, temos que o composto pode ser uma ótima adição à rotina dos praticantes de esporte.

– Melhora as taxas de colesterol
O resveratrol reduz a síntese de colesterol “ruim” (ou LDL), o tipo de lipoproteína que tende a se depositar na parede dos vasos sanguíneos e favorece a formação de placas. Quando isso ocorre, pode haver inicialmente uma elevação da pressão arterial, e mais adiante uma obstrução dos vasos.

Além de diminuir a produção de colesterol LDL pelo fígado, o resveratrol também impede a oxidação do mau colesterol, o que resulta em uma menor absorção das micropartículas de gordura no intestino.


E não param por aí os benefícios do resveratrol no controle das taxas de colesterol: o antioxidante também estimula a produção de HDL, o tipo de colesterol que tem efeito cardioprotetor, isto é, que impede que depósitos de gordura se acumulem na parede das artérias.

– Reduz a Pressão Arterial
Como mencionamos acima, o acúmulo de LDL pode reduzir o diâmetro dos vasos sanguíneos, o que acaba por aumentar o trabalho do coração. Isto porque o órgão passa a ter que bombear o sangue com mais “força” para poder vencer a resistência oferecida pelos vasos.

Na prática, esse incremento na intensidade dos batimentos cardíacos não apenas aumenta a pressão arterial como também aumenta o risco de problemas cardiovasculares.

Ao combater inflamações, reduzir a formação e o depósito de gordura nas artérias, o resveratrol contribui para a saúde dos vasos sanguíneos e pode evitar a elevação da pressão arterial.

– Retarda o envelhecimento do organismo
Em uma revisão científica publicada em 2009, pesquisadores observaram que, com base em diversos estudos científicos, era possível afirmar que o resveratrol pode ajudar a prevenir doenças relacionadas ao envelhecimento (como a inflamação crônica e as doenças degenerativas).

Uma pesquisa mais recente demonstrou que o resveratrol foi responsável por uma redução nos processos inflamatórios de um pequeno grupo de voluntários. No estudo, publicado no Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism, participantes receberam ou um placebo ou cápsulas com 40mg resveratrol diariamente durante seis semanas.

Ao final da pesquisa, notou-se que o grupo que ingeriu o resveratrol apresentava menos estresse oxidativo (ou seja, menos atividade nociva dos radicais livres) e inflamação do que os voluntários que apenas receberam um placebo.

Segundo os pesquisadores autores do trabalho científico, esse resultado sugere que o resveratrol pode ser utilizado para prevenir o diabetes do tipo 2 e complicações cardíacas.

E além disso, o composto pode também favorecer a manutenção da saúde do organismo como um todo, contribuindo tanto para a saúde interna quanto para o aspecto estético.

– É bom para o cérebro
Em doses elevadas (entre 250 e 500 mg), o resveratrol se mostrou capaz de aumentar o fluxo de sangue para o cérebro. Ao aumentar a oferta de oxigênio e nutrientes para os neurônios, o resveratrol poderia auxiliar na função cognitiva.

Pesquisadores do Max Planck Institute, na Alemanha, forneceram 200 mg de resveratrol a 23 participantes (com idades entre 50-75 anos) durante 26 semanas. Outros 23 voluntários receberam apenas um placebo.

Ao final do estudo, aqueles que consumiram o resveratrol diariamente apresentaram um aumento significativo na conectividade funcional do hipocampo, a área do cérebro que participa da formação, organização e estocagem de nossas memórias.

Quando comparado ao grupo controle, os participantes que receberam cápsulas de resveratrol também demonstraram uma maior facilidade para memorizar palavras, o que pode ser um seguro indicativo de melhora da função neuronal.

Outra propriedade do resveratrol na função cerebral diz respeito à sua atuação nos mecanismos sinalizadores intracelulares. O composto presente na uva reduz a toxicidade causada pelo glutamato, um aminoácido que atua como neurotransmissor e que pode estar relacionado ao surgimento do Alzheimer.

Segundo cientistas da prestigiosa Universidade John Hopkins, o resveratrol ainda oferece proteção contra o AVC (acidente vascular cerebral), doença que também tem causas semelhantes às do ataque cardíaco.

– É um poderoso Antioxidante
O resveratrol se destaca entre os antioxidantes graças à sua capacidade de atravessar a barreira hematoencefálica, propriedade que ajuda a proteger o cérebro e o sistema nervoso.

E além de aumentar a proteção dos neurônios contra os radicais livres, o resveratrol também combate os danos que poderiam ser causados pelos radicais em outras células do corpo, como as da pele e as que compõem o sistema cardiovascular.


Ou seja, a ingestão regular de resveratrol pode melhorar a saúde da pele, do coração, dos vasos sanguíneos e ainda impedir que as células do sistema nervoso se degenerem por ação dos radicais livres.

– Pode combater a obesidade
Estudos desenvolvidos com animais têm encontrado evidência de que o resveratrol pode ser utilizado no tratamento do sobrepeso e da obesidade.

Em uma das pesquisas mais recentes sobre os efeitos do resveratrol no controle do peso, cientistas descobriram que a substância pode favorecer a ação da adiponectina, um hormônio que estimula a oxidação de gordura.

E além de estimular a queima de gordura através da adiponectina, o resveratrol também previne a resistência à insulina, impedindo que mais estoques de gordura sejam formados no organismo.

Embora o estudo publicado no Journal of Biological Chemistry tenha sido desenvolvido com culturas celulares e modelos animais, o resveratrol parece ter um potencial real na luta contra a obesidade.

Isso porque, além de melhorar o metabolismo da insulina e dificultar o acúmulo de gordura, o resveratrol também reduz as inflamações, que como todos nós sabemos são uma das maiores vilãs do sobrepeso.

Por último, um estudo alemão de 2014 sugere que o resveratrol reduz o percentual de gordura corporal ao mesmo tempo em que aumenta os níveis de leptina, um hormônio que controla as reservas de lipídios e o apetite.

– Seria eficaz para inibir o câncer
Infelizmente não há pesquisas que indiquem que o resveratrol cura o câncer, mas o composto parece ser eficaz na prevenção de alguns tipos de tumores.

Um estudo francês publicado nesta década concluiu que o resveratrol pode ser considerado um eficiente agente antitumoral, pois foi capaz (em laboratório) de frear o desenvolvimento de células cancerígenas.

Essa propriedade do resveratrol se deve muito possivelmente à sua atuação na apoptose, ou morte celular programada. Ao induzir a morte das células mutantes, o composto antioxidante pode ajudar a prevenir e tratar os tumores de mama, pele, esôfago e intestino.

– É um grande aliado do coração
Este é certamente um dos mais conhecidos benefícios do resveratrol. O resveratrol faz bem para o coração porque reduz as inflamações, diminui o acúmulo de gordura nos vasos sanguíneos e controla a pressão arterial.

Um estudo canadense demonstrou voluntários que consumiam de 1 a 2 copos pequenos (140ml) de vinho por dia apresentaram uma redução bastante significativa no risco de desenvolvimento de arteriosclerose.

A bebida (que, como nós sabemos, é rica em resveratrol), também foi responsável por uma queda de 30% no risco de morte por doenças cardíacas.

– Protege os ossos
O composto encontrado na casca das uvas escuras pode influenciar o metabolismo ósseo através do estímulo à diferenciação das células da matriz óssea.

O resveratrol parece também atuar sinergisticamente com a vitamina D, outro nutriente essencial para a formação do tecido ósseo.

– Previne o diabetes
Estudos divulgados nos últimos anos têm demonstrado que o resveratrol melhora a sensibilidade à insulina através de seus efeitos sobre a SIRT-1, uma enzima que influencia muitas etapas do processamento da glicose no fígado, pâncreas, músculo e tecido adiposo.

Assim, o resveratrol estimula caminhos metabólicos que permitem um uso mais eficiente da insulina e da glicose, efeitos que resultam em uma redução nas taxas de açúcar no sangue.

Mas o resveratrol não serve apenas para prevenir o diabetes: a substância também protege o corpo contra alguns dos efeitos colaterais da doença, como a síndrome do pé diabético (perda da função neural e redução da circulação), doença renal e retinopatia diabética.

– Aumenta a produção de testosterona
A produção natural de testosterona pelo organismo começa a ser diminuída a partir dos 30 anos, mas a prática de exercícios e o consumo de alimentos ricos em resveratrol podem ajudar a atenuar esse declínio.

Em um estudo coreano desenvolvido com ratos, a concentração de testosterona no sangue aumentou em até 50% após a ingestão diária de resveratrol durante um período de 28 dias.

E você já sabe: entre outras funções, a testosterona é essencial para a formação e crescimento da musculatura.

– Faz bem para a pele
Um crescente número de estudos parece confirmar que, ao estimular as proteínas celulares conhecidas como sirtuínas, o resveratrol pode prolongar o tempo de vida de diversos tipos de células, e assim melhorar a saúde de tecidos como a pele.

Liderados pelo Dr. David Sinclair da Universidade de Harvard, pesquisadores descobriram que o resveratrol aumenta a atividade das mitocôndrias, as pequenas estruturas celulares responsáveis pela produção de energia dentro das células.

Com isso, o resveratrol poderia potencialmente prolongar a vida celular, uma vez que haveria energia suficiente para que elas continuassem com seu metabolismo habitual.

Baseado neste e em outros estudos, o resveratrol passou a ser utilizado como um ingrediente em cremes antienvelhecimento, que servem não apenas para melhorar o aspecto da pele como também para prevenir a degradação do colágeno.

E o que o resveratrol tem a ver com o colágeno? Bem, nossa pele precisa desta proteína para ficar “firme”, jovial e vistosa. Mas, infelizmente, com o avançar da idade e alguns maus hábitos de vida (alimentação incorreta, tabagismo, exposição aos raios ultravioleta do sol, poluição), o colágeno vai sendo “destruído”, e o resultado é uma pele com cada vez mais rugas, marcas de expressão e flacidez.
Ao bloquear a ação dos radicais livres, o resveratrol auxilia na “proteção” do colágeno, o que acaba por garantir um aspecto mais saudável à pele.

Finalmente, de acordo com um pequeno estudo publicado no American Journal of Clinical Dermatology, o resveratrol também pode ser eficaz no tratamento da acne.

Não existe até o momento uma dose ideal de resveratrol, uma vez que a maior parte dos estudos é conduzida com concentrações bastante elevadas do composto.

E qual a melhor maneira de tomar resveratrol?
Apesar do vinho apresentar muitos benefícios, ele é obviamente uma bebida alcóolica, o que o torna pouco atraente para o consumo diário (sobretudo para quem pratica atividade física, já que o álcool e a regeneração muscular não são exatamente amigos).

As uvas escuras e demais alimentos ricos em resveratrol ainda são a melhor opção para ingerir o nutriente, mas elas não apresentam um teor tão elevado do composto como os suplementos.

O ideal, portanto, é usar RESERVE™ que contém uma quantidade ótima de 75 mg de resveratrol por dose e desfrutar de todos os benefícios. 


Para saber como incluir o RESVERATROL na sua dieta, fale comigo. 

Telefone/Whatsapp: Marcio (21-98198-6559)


Fonte:
https://examine.com/supplements/resveratrol/
http://lpi.oregonstate.edu/mic/dietary-factors/phytochemicals/resveratrol
http://www.health.harvard.edu/blog/resveratrol-the-hype-continues-201202034189
http://www.livescience.com/39125-foods-good-sources-resveratrol.html
http://articles.mercola.com/sites/articles/archive/2009/08/18/the-secrets-of-resveratrols-health-benefits.aspx
https://www.verywell.com/benefits-of-resveratrol-89581
http://www.webmd.com/heart-disease/resveratrol-supplements
http://www.mundoboaforma.com.br/resveratrol-para-que-serve-beneficios-e-dosagem/#3rpX7RoZZztAkIqI.99



quarta-feira, 15 de março de 2017

Colágeno hidrolisado: Hoje ele entra na sua rotina.

Você sabia que existe uma substância capaz de deixar a pele viçosa, os cabelos mais sedosos e as curvas em dia? De acordo com a nutricionista Malu Bastos, do programa "Minha Vida, Meu Ritmo", "o colágeno auxilia na manutenção da estrutura dos fios de cabelo e unhas, elasticidade da pele e ajuda na perda de peso".

No programa, o cardápio de todos os participantes com mais de 30 anos contém a suplementação. A seguir, a nutricionista explica por que você deve inserir o colágeno hidrolisado na sua rotina:

Dez vezes mais potente do que a carne
A melhor fonte de colágeno é a carne bovina, mas o suplemento em pó, que deve ser dissolvido na água, é a melhor forma de obter quantidades relevantes da substância a ponto de obter resultados visíveis. O colágeno é a proteína que predomina no nosso organismo, mas é difícil obtê-la com a alimentação. Uma porção do suplemento de colágeno hidrolisado fornece dez vezes mais aminoácidos quando comparado um bife de 100 gramas.

Ajuda a emagrecer
O colágeno hidrolisado é um pó constituído basicamente por proteína, vitaminas e minerais. É livre de gorduras e não tem adição de açúcares e o valor calórico por porção é muito baixo. O ideal é consumir o produto de 30 a 60 minutos antes do almoço ou jantar, já que ele estimula o mecanismo de saciedade, o que leva a comer menos na refeição a seguir.

Faz bem à saúde
O colágeno é o principal componente proteico dos ossos, tendões, cartilagens e pele. Além de manter a beleza e o corpo em dia, o consumo regular de colágeno hidrolisado auxilia na manutenção destas estruturas.

Repõe a perda natural da substância

A partir dos 30 anos, homens e mulheres passam a ter perdas maiores de colágeno. A cada década, a capacidade do corpo em fabricar colágeno diminui ainda mais. Além do processo natural de envelhecimento, os fatores que podem aumentar as perdas de colágeno são: excesso de exposição solar sem proteção, consumo excessivo de cafeína, hipotireoidiosmo, dietas de valor calórico excessivamente baixo, fumo e estresse. FONTE

segunda-feira, 13 de março de 2017

Marketing Multinível

Uma das palavras mais em voga nos últimos anos é o networking. No mundos dos negócios, significa a construção e manutenção de uma rede de contatos profissionais que pode render frutos (propostas de trabalho, novos clientes, novas oportunidades).

O marketing multinivel – nosso assunto de hoje – é um sistema bem próximo ao do networking, baseado na venda direta de produtos e serviços a partir de uma rede de vendedores independentes.
Se você está querendo saber mais sobre o que é o marketing multinível e como ele funciona, veio ao lugar certo. Em nosso artigo de hoje vamos explicar tudo isso para você, além de oferecer dicas e exemplos que vão ajudar você a entender esse assunto de uma vez por todas!
O que é marketing multinível?

Conhecido também como network marketing ou pela sigla MMN, o marketing multinível é um modelo bem estruturado para a venda de produtos e serviços através do recrutamento de vendedores independentes.

Por exemplo: você tem uma fazenda que produz abacaxis. Ao invés de escoar a produção repassando todas as suas frutas a uma rede de mercados, você estabelece uma rede com vendedores independentes junto ao público. Esses vendedores, além do lucro sobre cada abacaxi, também conseguem aumentar seus ganhos ao criar times de venda próprios para alcançar cada vez mais consumidores.

O resultado é que sua fazenda consegue escoar a produção de forma direta (ou seja, sem intermediários, que influenciam diretamente sobre o valor final) e cria uma boa fonte de renda para os envolvidos.

O exemplo, embora simplifique bastante o processo, é bem representativo do que é o MMN: uma estrutura que ajuda a distribuir de forma simples e direta produtos e serviços, do produtor ao consumidor através, apenas, de vendedores independentes.
Como funciona o marketing multinível?

Bom, a partir do exemplo acima, fica bem fácil entender o funcionamento básico. Mas é preciso se dedicar um pouco mais sobre o assunto para que possamos entender os pormenores que ajudar a caracterizar o marketing multinível.

Voltando à fazenda dos abacaxis. Para que essa estrutura de vendas possa ser, de fato, benéfica tanto para produtores quanto para vendedores, é preciso mais do que apenas a vontade de vender. Aliás, o marketing pressupõe o conhecimento e a pesquisa como dois pontos-chave para o sucesso.

Uma boa estratégia de MMN, então, está focada em sempre oferecer aos seus times treinamentos informativos, de relacionamento e de organização:
Quais as propriedades benéficas do abacaxi? 
Como saber se a fruta está madura?
Quem é o público-alvo desses vendedores? 
Produtores artesanais de geleia? 
Donas-de-casa? 
Estabelecimentos comerciais (restaurantes, hotéis, pousadas, lanchonetes)? 
Qual o comportamento do vendedor diante de cada um desses públicos para efetivar as vendas?
Como lidar com quem comprou abacaxis que estavam azedos? 
Existe política de troca?
Como organizar as finanças? É possível vender ‘fiado’? 
Como fazer para não comprometer seus ganhos.

As perguntas acima, embora relacionadas ao nosso exemplo, podem muito bem representar – com pouquíssimas alterações – infinitos universos de marcas, produtos e serviços (inclusive a sua área de atuação).

O importante é notar que esse foco no treinamento e acompanhamento das equipes de vendas vai permitir à empresa, não apenas fazer vendas eventuais, mas garantir a continuidade dos negócios através dos tempos.

Qual a diferença dele para o esquema de pirâmide?

Essa é uma pergunta que você provavelmente está repetindo mentalmente. E na verdade, está certo em querer essa resposta. Muito embora ambos pareçam, à primeira vista, bem próximos, a verdade é que são bastante diferentes.

No marketing multinível temos uma preocupação em estabelecer uma rede de contatos para ampliar e melhorar a rede de distribuição e vendas de um produto ou serviço.

Já o esquema de pirâmide não se sustenta porque não se baseia na organização para distribuir, mas apenas em receber pagamentos através do recrutamento de pessoas.

Seria como uma fazenda dizer que tem uma oportunidade na área de venda de abacaxis pelo dobro do valor de mercado. Para fazer parte, é necessário comprar um kit e que o retorno está atrelado ao número de novos vendedores que cada pessoa consegue trazer.

A renda dessa fazenda estaria baseada, não na venda dos abacaxis, mas na venda dos kits ao recrutar novos vendedores. E apenas os primeiros recrutados teriam alguma chance de retorno de investimento.

Ou seja: se alguém ou alguma empresa promete algo que parece bom demais para ser verdade, é provável que seja isso mesmo.

O marketing multinível se baseia no esforço de ambas as partes: a empresa no fornecimento de produtos, serviços, treinamento e suporte e os vendedores, em criar uma rede de clientes que garantam um retorno financeiro.

Alguns bons exemplos

Avon – uma das gigantes no ramo da cosmética, conta com uma imensa rede de distribuição de produtos baseada no network marketing. Aliás, é muito provável que você, leitor, já tenha visto ou comprado de um revendedor da marca (seja através da internet ou das revistas de pedidos da marca).

Natura – a empresa brasileira é outra do ramo da cosmética que aposta no marketing multinível como principal canal de distribuição de seus produtos. Uma das frases presentes na maior parte de suas campanhas é: “Fale com uma revendedora Natura”, seja na TV, no rádio, no jornal e na internet.

Tupperware – essa é das antigas e hoje têm ganhado vida nova. Quem tem mais de 30 anos provavelmente se lembra das “reuniões de tupperware” aos sábados à tarde. Tanto que muitos ainda chamam os potes plásticos pelo nome da marca. Um caso de marca que aposta no MMN e se tornou um clássico e referência na sua área de atuação.

Muitas outras empresas também vêm descobrindo no marketing multinível uma nova forma de aumentar seus negócios, principalmente em áreas de menor concentração de pessoas, como é o caso de O Boticário (cosméticos) e da DeMillus (lingerie).

Isso sem falar no setor de produtos eróticos, que usa essa estratégia como forma de ampliar sua gama de consumidores de forma mais próxima, evitando o constrangimento de muitos de se entrar em uma sex shop.

Dicas para você fazer seu plano de marketing multinível

E agora que você já tem um manancial de boas informações, separamos algumas dicas:
Concentre-se nos benefícios de seu produtos e serviços – assim como em qualquer estratégia de marketing, para poder se destacar da concorrência, é necessário que a sua empresa conheça muito bem o que oferece e, principalmente, quais os seus diferenciais positivos.

Eduque sempre seus vendedores – não basta oferecer um kit de informações e produtos e largá-los à própria sorte. Aproveite a internet para criar canais com informações, artigos, vídeos, livros e treinamentos para fazer com que seus vendedores possam, de fato, conquistar a clientela.

Criar uma audiência – nem só de materiais para vendedores vive a sua marca. É preciso estar junto ao seu público. Por isso, desenvolva uma boa estratégia de marketing digital (site, redes sociais), para ajudar o seu público a conhecê-lo, a confiar em você e a continuar a passar sua marca adiante. Assim, você conquista novos clientes e vendedores!


O principal é saber que o marketing multinível é uma ótima oportunidade, mas que só traz sucesso se for bem planejado e gerido. Dá trabalho buscar o destaque frente à concorrência e o esforço é contínuo. Portanto, prepare-se para suar a camisa. (Fonte)

domingo, 12 de março de 2017

O que é BIM?

O Building Information Modeling (BIM), em português, Modelagem da Informação da Construção, é o novo conceito quando se trata de projetos para construções. Diferente do desenho usual em 2D, uma mera representação planificada do que será construído, a modelagem com o conceito BIM trabalha com modelos 3D mais fáceis de assimilar e mais fiéis ao produto final. Numa comparação simples, seria como abandonar a ideia de fazer o planejamento desenhando mapas e trabalhar diretamente com maquetes.

O projeto ideal realizado em BIM deve agregar todas as partes envolvidas no planejamento de uma construção, fornecendo informações aprofundadas sobre cada detalhe da construção e que podem ser utilizadas por todos os envolvidos, desde engenheiros e arquitetos até planejadores e responsáveis pela compra de materiais. Em um software que aplique o conceito, vários profissionais podem trabalhar no mesmo projeto ao mesmo tempo utilizando o mesmo arquivo, adicionando os dados que competem à sua especialidade e vendo as atualizações no modelo em tempo real.



 Não se trata de facilitar apenas dados como dimensões de paredes e localização de canos hidráulicos e tubos de gás, mas também informações relacionadas a tipos e quantidade de insumos e mão de obra utilizados, por exemplo. Isso quer dizer que, ao se modelar uma parede usando o BIM, é possível especificar parâmetros não apenas de espessura, comprimento e altura, mas também, por exemplo, o material do qual será feita a parede, fabricantes de materiais, custos, propriedades térmicas e acústicas, custos envolvidos, dentre outras possibilidades.

Saber como funciona o BIM pode ter feito você pensar nos softwares mais populares nos meios de engenharia e arquitetura, as ferramentas CAD, como o AutoCAD. Estas ferramentas ficaram conhecidas por terem sido pioneiras na transição da prancheta para o computador, fornecendo plataformas de desenho 2D para arquitetos e engenheiros. Pode ter surgido a dúvida, será que estes programas vão incorporar o BIM às suas práticas? A resposta é sim! E isso já está acontecendo. O foco para os softwares do seguimento mudou, os principais devem atuar em BIM, como Autodesk Revit, Vector Works e ArchiCad, por exemplo. Já os programas CAD não vão sumir, mas terão um papel secundário para agregar todas as funcionalidades do BIM.

Se considerarmos que a tecnologia de realidade aumentada está avançando rapidamente e a associarmos ao BIM, em breve, com o uso de smartphones, tablets e ferramentas como o Google Glass, poderemos visualizar o projeto no local em que ele será construído antes mesmo de terminá-lo e interagir com ele, entre outras facilidades.

Principais características e vantagens:

O National BIM Standard-United States® (NBIMS-US™) define a Modelagem da Informação da Construção como uma fonte de conhecimentos compartilhados para a geração de informações sobre um empreendimento, e também destaca a colaboração dos participantes como um dos principais motores da prática. Reconhecendo que trabalhar em conjunto pode ser um aspecto complicado em um projeto, dada a variedade de especializações envolvidas, o NBIMS-US™ constatou que nos Estados Unidos “as construções custam mais do que deviam e demoram muito para serem entregues”. Por isso é importante promover um trabalho de colaboração de informações melhor entre os vários participantes envolvidos no processos de construção – um estudo mostrou que a falta de interoperabilidade nas obras chega a gerar às construtoras um custo adicional de 15,8 bilhões de dólares a cada ano!

Essa interoperabilidade é considerada uma das principais características (e vantagens) do BIM, além do intercâmbio de informações. Ou seja, todos os profissionais envolvidos na execução do empreendimento podem exercer suas funções de forma integrada e alinhada ao objetivo do projeto.Arquitetos, engenheiros, construtores, fornecedores e demais partes interessadas podem extrair informações de acordo com suas necessidades para tomarem decisões mais assertivas. Sem contar que toda e qualquer alteração que os profissionais fizerem no modelo será processada em tempo real e atualizada. Essa automação dos processos ajuda bastante na economia de tempo e na redução dos custos. Confira outros benefícios que o BIM pode levar à sua construtora:

Cumprimento das datas estipuladas no cronograma de obra;

Oportunidade de testar soluções previamente;

O projeto pode ser compreendido, revisado e visualizado mais facilmente, o que ajuda a garantir mais precisão e avaliar alternativas para otimizar recursos e processos;

Comunicação mais eficiente entre os participantes do projeto e fluência no compartilhamento de informações da construção.


3D ou BIM?

O 3D foi a evolução natural do desenho de projeto, mas qual a diferença entre o 3D e o BIM? Um objeto modelado em 3D ou “objeto volumétrico” muitas vezes era apenas uma representação do modelo real, uma ferramenta de visualização. Com a aplicação da tecnologia BIM, esse modelo 3D passa a ter diversos “objetos paramétricos” com a adição das informações que o BIM proporciona. Ou seja, cada objeto modelado passa a aceitar parâmetros e informações que agregam ao trabalho de outros profissionais que não sejam apenas os projetistas. É possível, por exemplo, adicionar informações de marca do material a ser utilizado, custos e outras especificações dentro do arquivo onde o projeto está sendo modelado. Desta forma, vários profissionais (engenheiros, arquitetos, orçamentistas, compradores, etc) podem acessar e editar várias informações ao mesmo tempo, economizando tempo e evitando erros de comunicação que se traduzem em desperdício e atraso nas obras.

Costuma-se dizer no segmento de construção civil que quanto mais próximo da realidade o planejamento da obra estiver, maiores são as chances de sucesso do empreendimento no futuro. As tecnologias que utilizam BIM estão sintonizadas com essa realidade e criaram recursos para que a visualização prévia das edificações fique ainda mais apurada, permitindo planejamentos ainda mais precisos.


Acompanhe nosso blog e conheça melhor no próximo post o BIM Manager , profissional que surgiu para ajudar sua construtora e obras a tirarem o máximo proveito da prática desse conceito.

Fonte: https://www.sienge.com.br/blog/voce-sabe-o-que-e-bim-entenda-o-conceito-e-suas-aplicacoes/