terça-feira, 12 de abril de 2016

Prefeitura do Rio deve convocar 300 concursados da GM

A prefeitura do Rio deve convocar 300 dos 2 mil concursados da Guarda Municipal (GM) aprovados no exame realizado no ano de 2012. A decisão foi tomada na tarde desta terça-feira (12/4) em uma reunião entre o Secretário Executivo de Coordenação de Governo, Pedro Paulo Carvalho, e a comissão de representação dos concorrentes. As partes acordaram que serão selecionados 260 candidatos para vagas regulares e 40 cotistas devem iniciar o curso de formação. Todos já passaram pela pesquisa social.

Concursados da GM protestam em frente a Câmara do Rio. Foto: Ascom vereador Marcio Garcia
De acordo com a comissão, o curso de formação está agendado para maio e os exames admissionais serão realizados durante esta etapa. A preparação para ingresso na GM tem previsão para três meses, ou seja, com encerramento próximo às Olimpíadas no Rio. 

No dia 31 de março, um grupo com cerca de 70 concursados protestou em frente ao Ministério Público do Rio (MP-RJ), no Centro, contra a paralisação no processo de convocação. Segundo os concorrentes, várias denúncias haviam sido encaminhadas para o MP, por meio da ouvidoria do órgão, acerca de supostas irregularidades no exame da GM. A ausência de posicionamento do MP motivou o ato promovido pelos concursados, que usaram faixas e cartazes pedindo Justiça e convocação imediata dos aprovados.


Desde a paralisação da pesquisa social feita pela prefeitura como condição para o ingresso do candidato no cargo, os concursados reivindicam a continuidade do processo. Para a homologação do concurso, falta ainda a realização do curso de formação, o que vem sendo postergado. Há duas semanas, uma comissão dos concorrentes se reuniu com o secretário Pedro Paulo. Segundo Felipe Bastos, um dos candidatos da GM, o secretário alegou na época que a prefeitura não tinha recurso para a contratação dos novos guardas.

Leia mais sobre o assunto:




Protesto dos concursados em frente ao MP, em março deste ano. Foto: Ascom vereador Marcio Garcia

Nenhum comentário:

Postar um comentário