segunda-feira, 21 de março de 2016

Em meio a crise, UPP da Maré vai ficar apenas na promessa para Olimpíada

Uma das grandes promessas para os Jogos Olímpicos de 2016 na área de Segurança Pública acaba de naufragar com a crise econômica no Rio. O secretário de segurança José Mariano Beltrame, afirmou comunicou nesta segunda- feira (21/3) que a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Conjunto de Favelas da Maré, no Subúrbio, prevista para março deste ano, não tem prazo para ser instalada. As informações foram publicadas no Jornal O Globo. 
Secretário de Segurança do Rio Jose Mariano Beltrame. Foto: Ascom Seseg


De acordo com as declarações de Beltrame, um eventual efetivo local será utilizado para reforçar outras áreas. O secretário participou de uma audiência na manhã desta segunda (21) na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). A pasta que Beltrame representa sofreu um corte de 32% no seu orçamento, levando os investimentos a quase zero, segundo a publicação do jornal. 

Após a audiência na Alerj, o secretário voltou comentar sobre o aumento nos índices de criminalidade e fator motivacional dos policiais com os jornalistas. Para Beltrame, existe um aspecto motivacional do PM que o estado vinha pagando pelo desempenho profissional. "Não tem como dizer que isso não influi [no aumento da criminalidade]", disse o secretário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário