quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Marquise desaba em Madureira, mata homem e fere mulher


A queda de uma marquise na Rua Carolina Machado, uma das principais vias do bairro de Madureira, zona norte do Rio de Janeiro, deixou um homem morto e uma mulher ferida. O acidente aconteceu na noite desta quarta-feira (17), após um forte temporal que causou muitos transtornos na cidade. As duas vítimas estavam passando pela calçada quando foram atingidas pelos destroços da construção que desabou. O homem, ainda não identificado, de aproximadamente 40 anos, morreu no local e a dona de casa Alessandra Oliveira, de 39 anos, foi socorrida por bombeiros do Quartel de Campinho e segue internada no Hospital Salgado Filho, também na zona norte. O acúmulo de água na cobertura e o peso de um aparelho de ar-condicionado podem ser as principais causas do desmoronamento.

A marquise que caiu era de uma loja que vende bijuterias. Uma equipe da Defesa Civil esteve no local e, segundo o subsecretário Márcio Motta, os três dias seguidos de chuvas fortes podem ter causado o acúmulo de água na marquise. Além deste fator, ele destacou o peso de um aparelho de ar-condicionado. "A conservação da marquise é de responsabilidade do proprietário. Isso [desabamento] é crime, capitulado no código penal", destacou o subsecretário.


Nenhum comentário:

Postar um comentário