terça-feira, 10 de novembro de 2015

Acordo aprovado na Alerj reduz tempo para promoção de bombeiros no Rio

Um acordo firmado entre o governo do Rio de Janeiro, o Comando do Corpo de Bombeiros do Estado e deputados vai reduzir de 12 para 6 anos o interstício para promoção dos bombeiros no Rio. A decisão foi tomada nesta terça-feira (10/11), durante a votação do projeto 262/2015, de autoria do poder Executivo, na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). A discussão única definiu ainda pela permanência da exigência dos subtenentes da corporação serem nomeados aos 25 anos. Apoiaram a medida os deputados Julianelli (Rede), Paulo Ramos (PSOL), Lucinha (PSDB), Luís Paulo (PSDB) e outros. O projeto segue para sanção do governador Luiz Fernando Pezão. 

O vereador Marcio Garcia acompanhou de perto a votação das emendas. A pauta incluía assuntos de grande relevância para a categoria, como o aumento para 30 anos no tempo mínimo de serviço efetivo para o oficial Bombeiro fazer a sua passagem compulsória à inatividade, garantindo assim a sua chegada no último posto de seu quadro qualificatório. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário