segunda-feira, 10 de novembro de 2014

PMs SEGUEM SENDO VÍTIMAS DA "PACIFICAÇÃO"

Eu imagino o sofrimento diário dos familiares dos Policiais Militares que trabalham nas UPPs, o receio de que seu familiar seja a próxima vítima da "pacificação" de Pezão-Beltrame.


"JORNAL O DIA
09/11/2014 14:32:57 - Atualizada às 09/11/2014 18:55:05
Tiroteio deixa duas pessoas feridas na Rocinha, na Zona Sul
Vítimas foram levadas para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea. Em três dias, três policiais militares de comunidades com UPP ficaram feridos em confrontos com criminosos 
ATHOS MOURA E TIAGO FREDERICO 
Rio - Duas pessoas ficaram feridas durante uma troca de tiros entre policiais e criminosos na Rocinha, Zona Sul do Rio, na manhã deste domingo. Um policial militar teve ferimentos no rosto provocados por estilhaços. Ele e a outra vítima, um homem não identificado, foram levados para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea. Não há informação do estado de saúde dos dois. 
(...) 
Três policiais de UPP feridos em três dias 
Outros dois policias militares de comunidades com Unidades de Polícia Pacificadora (UPP) ficaram feridos em confrontos com criminosos nos últimos dias. Neste sábado, o soldado da Polícia Militar Rodrigo Felix de Souza Teixeira, de 30 anos, foi baleado no braço e na perna direita, durante um confronto com criminosos no Morro São João, no Engenho Novo. 
Socorrido por colegas de farda, Rodrigo foi internado no Hospital Naval Marcílio Dias, no Lins de Vasconcelos, Zona Norte do Rio, tinha o quadro de saúde estável e estava em observação na noite deste sábado. Ele deu entrada na unidade "em caráter de emergência" e passou por uma cirurgia, conforme divulgou o Comando do 1º Distrito Naval (Leia mais)".

Nenhum comentário:

Postar um comentário