terça-feira, 30 de setembro de 2014

PEZÃO MENTE DESCARADAMENTE AO DIZER QUE DEFENDE O FUNCIONÁRIO PÚBLICO



O governador Pezão mentiu descaradamente ao afirmar que defende o funcionário público ao ser entrevistado quando surgiu a crise na cúpula da Polícia Militar que ele comanda.

(Fonte: Jornal O Dia)

Se Pezão defendesse os funcionários públicos não mandaria junto com Cabral encarcerar ilegalmente em Bangu 1 dezenas de Bombeiros e de Policiais Militares que queriam salários dignos.
Lembro que a ordem de encarceramento em Bangu 1 foi administrtaiva, partiu do governo Cabral-Pezão, não foi uma ordem judicial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário