sábado, 6 de setembro de 2014

ELEIÇÃO: OS DOIS PEZÕES ou O 'SEQUESTRO" DE PEZÃO



A equipe de propaganda do candidato Pezão está conseguindo fazer algo impressionante, apagando o passado do candidato.
Eles "sequestraram e esconderam" o verdadeiro Pezão.
Quem tem contato com as propagandas políticas de Pezão em qualquer veículo de comunicação não consegue associar esse Pezão com o Pezão que foi por mais de sete anos, o vice-governador de Sérgio Cabral, o que saiu com a pior avaliação popular da história.
Eles criaram um novo Pezão, o que só fez as coisas boas.
"Sequestraram e esconderam" o Pezão vice-governador de Sérgio Cabral.
O Pezão que tem secretários estaduais acusados de superfaturamento de contratos e de improbidade administrativa sumiu, parece não existir mais.
O Pezão que jogou ilegalmente Bombeiros e Policiais Militares em Bangu 1 sumiu.
O Pezão que jogou bombas em professores sumiu.
O Pezão que agigantou e desqualifcou a Polícia Militar sumiu.
O Pezão que chamou médicos de vagabundos sumiu.
O Pezão que jogou bombas em esposas e filhos de Bombeiros no Quartel Central sumiu.
O Pezão que até hoje não resolveu os problemas das vítimas do Morro do Bumba (Niterói) e da Região Serrana sumiu.
O Pezão que colocou jovens e inexperientes Policiais Militares para serem assassinados em UPPs sumiu.
O Pezão que espalhou criminosos por todo Rio de Janeiro sumiu.
"Sequestraram e esconderam" o Pezão vice-governador de Sérgio Cabral.
Ele ficará no cativeiro até o final das eleições.
Se a população aceitar ser enganada e eleger o Pezão de mentirinha, eles libertarão o Pezão de verdade e tudo voltará a ser como na época que ele era vice-governador de Sérgio Cabral.
Não vote no Pezão de mentirinha, pois que irá governar será o Pezão de verdade.
Cuidado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário