PEZÃO QUER RIGOR NA APURAÇÃO DO ASSASSINATO DE EMPRESÁRIA

No governo Cabral-Pezão-Beltrame foram assassinadas 
mais de 35.000 pessoas no Rio de Janeiro.


"SITE TERRA
18 de julho de 2014 • 20h56 
Pezão diz que assassinos de empresária são 'facínoras' 
Governador do Rio determinou rigor na apuração da morte de Maria Cristina Bittencourt Mascarenhas 
O governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, determinou nesta sexta-feira ao secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, ao chefe da Polícia Civil, Fernando Veloso, e ao comandante-geral da Polícia Militar, Luís Castro, que utilizem todo o aparato necessário para prender os assassinos da empresária Maria Cristina Bittencourt Mascarenhas. Ele também classificou os criminosos como “facínoras”. A vítima foi morta a tiros durante um assalto no Baixo Gávea, zona sul, no início da tarde de ontem.
Durante vistoria às obras da Linha 4, o governador se solidarizou com a família da empresária. “Eu lamento muito e me solidarizo com a família. Se depender de mim, eles vão apodrecer no presídio. Determinamos que todo o aparato da polícia seja utilizado para prender esses facínoras”, disse. 
“Para mim, é lamentável a banalidade da violência. Toda vez que há uma vítima de bala perdida, morre uma criança, morre uma idosa, se mata uma policial, eu me sinto com um pedaço do corpo arrancado”, completou Pezão (Leia mais)".
Foto: internet.

Comentários

Postagens mais visitadas