segunda-feira, 14 de julho de 2014

METRÔ DO RIO TEM SETE VEZES MAIS PROBLEMAS QUE O DE SÃO PAULO

Os transportes públicos são um grande problema do estado do Rio de Janeiro.
Será um grande desafio, mas será vencido.



"iG Último Segundo
Metrô do Rio é sete vezes mais problemático que o de São Paulo, aponta pesquisa
Foram identificadas 58 irregularidades no Rio, contra oito em São Paulo, onde o número de passageiros é 13 vezes maior
Criticado pela superlotação nos horários de pico, o Metrô de São Paulo nem parece enfrentar problemas quando comparado ao do Rio de Janeiro, sete vezes mais problemático, embora sua malha seja 43% menor que a paulista e transporte 13 vezes menos passageiros.
A avaliação foi feita por dois estudos do Instituto de Defesa do Consumidor (Idec), que pesquisou o transporte público nas duas capitais e nas cidades de Belo Horizonte e Recife, município com o maior número de irregularidades.
Quando apenas o metrô é avaliado, o de São Paulo, com 3,2 milhões de passageiros por dia, apresentou oito irregularidades em suas cinco linhas e 75,5 quilômetros de extensão. Três em qualidade de viagem (item que engloba velocidade média, intervalo entre os trens, conforto e acessibilidade) e cinco em atendimento aos usuários, como falhas em canais de reclamação, em informação sobre o trajeto e devolução do bilhete quando o serviço é mal prestado.
Já no Rio de Janeiro, seus 240 mil passageiros diários enfrentam 58 irregularidades em suas duas linhas. Foram 34 problemas nas estruturas das estações, nove nos vagões e 15 na qualidade das viagens (Leia mais)".

Nenhum comentário:

Postar um comentário