A "PACIFICAÇÃO" DE PEZÃO CONTINUA MATANDO E FERINDO POLICIAIS MILITARES



 
A rotina macabra segue no Rio de Janeiro.
A falência do projeto de pacificação do trio Cabral-Pezão-Beltrame continua ferindo e matando Policiais Militares que trabalham em UPPs.
"O GLOBO
Traficantes abrem fogo contra UPP do Alemão e policial é baleado
Ação teria sido represália à morte de Matheus Alexandre da Silva, baleado durante tiroteio com policiais da unidade
Márcio Menasce / Marcel Tardin
20/07/2014 22:06 / Atualizado 21/07/2014 7:26
RIO - Traficantes atearam fogo e fizeram disparos contra um contêiner da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro do Alemão, na Zona Norte do Rio. Na ação, um policial militar, identificado apenas como soldado Cordeiro, que estava dentro do alojamento foi baleado. O ataque ocorreu na UPP de Nova Brasília, na Rua Canitar, na noite deste domingo. O ato teria sido uma represália à morte de Matheus Alexandre da Silva, de 18 anos, atingido por disparos na tarde deste domingo, durante um tiroteio entre policiais e traficantes.
O PM chegou a ser levado para Hospital estadual Getúlio Vargas, na Penha, e depois transferido para o Hospital Central da Polícia Militar, no Centro. Segundo informações da polícia, os disparos atingiram o pulmão e o fígado do soldado, porém ainda não há informações sobre o estado de saúde do policial. Os criminosos também atiraram contra um carro da PM e colocaram fogo no veículo, que estava estacionado próximo à unidade depredada (Leia mais)". 
 
Foto: R7 (enterro de PM)
 

Comentários

Postagens mais visitadas