GOVERNADOR PEZÃO CONTINUA IGNORANDO PROFESSORES

(Fonte: Jornal Extra)