COPA 2014: POPULAÇÃO DO RIO ESTÁ DIVIDIDA

(Fonte: Estadão)