sexta-feira, 6 de junho de 2014

A GRAVE SITUAÇÃO DO SECRETÁRIO BELTRAME



O secretário de segurança pública Beltrame vive seus piores momentos no Rio de Janeiro.
A implantação dos projetos de UPPs vai mal.
A violência está se espalhando pelo Rio de Janeiro.
E, para piorar tudo, Beltrame foi acusado pelo Ministério Público de crimes gravíssimos contra o dinheiro público: improbidade administrativa e superfaturamento dos contratos das viaturas da Polícia Militar,
O Ministério Público cobra a devolução de mais de R$ 130 milhões e quer a condenação com a perda da função pública.
O mundo dá voltas, o que ele tentou fazer com os Policiais Militares que lutaram por melhores salários, ou seja, expulsá-los, hoje o ameaçado é ele.
Pelo que tenho lido e ouvido  a situação de Beltrame é muito ruim e só foram analisados até o momento dois contratos, portanto, a gravidade pode ser muito maior considerando todos os contratos.
Diante desse momento, o governador Pezão está engessado, pois não pode exonerar Beltrame (o que já deveria ter feito) sem sepultar de vez sua tentativa de eleição, tendo em vista que Beltrame era o lado bom do governo. O ficha limpa.
Nessa luta Pezão tem encontrado apoio de parte da imprensa que não está divulgando a gravidade dos fatos. Um apoio que surte ótimos resultados pois evita que a maioria da população tenha conhecimento dos fatos.
Beltrame tem feito a sua parte, não tem sido visto em público com a frequência anterior, certamente, orientado pelo seu fiel escudeiro da área midiática.
Segundo eu soube, novas revelações tornaram o quadro insustentável nos próximos dias.
É preciso preservar as UPPs e tudo indica que a melhor coisa a fazer para isso é exonerar o secretário de segurança.



Nenhum comentário:

Postar um comentário