segunda-feira, 30 de junho de 2014

DE VEREADOR A VICE-GOVERNADOR DO RIO DE JANEIRO

PR do Rio confirma hoje Garotinho candidato ao governo do estado

Leticia Fernandes - O Globo

RIO — Cerca de oito mil pessoas devem comparecer à convenção estadual do PR, que acontece neste domingo no Centro do Rio, e vai homologar a candidatura do deputado federal Anthony Garotinho ao governo do estado.No encontro, será divulgada a chapa completa, com o nome para o Senado indicado pelo aliado mais recente, o PROS - o mais provável é que o nome escolhido seja o do presidente regional da legenda, Hugo Leal - e o nome do vice, que pode ou não sair da cota dos republicanos. Dentre os correligionários, um dos nomes cotados é o do vereador Marcio Garcia (PR-RJ).

Na convenção, o PR fluminense também dará os resultados das prévias feitas por todo o estado ao longo do mês de junho. Nos 92 municípios, cerca de 29 mil republicanos votaram para escolher com que presidenciável caminhar. Apesar de ter flertado com o PSB de Eduardo Campos, Garotinho deve mesmo apoiar Dilma Rousseff, seguindo a mesma tendência do PR nacional. Mas os republicanos não descartam liberar seus delegados para que votem no candidato de sua preferência.

Com as negociações ainda em aberto, há a possibilidade de uma aliança entre Garotinho e o PRB do ex-ministro da Pesca, Marcelo Crivella. Os republicanos ofereceram a vaga de vice para Crivella ou para alguém de sua preferência. Em troca, Garotinho poderia apoiá-lo na eleição para a prefeitura do Rio, em 2016. Líderes nas pesquisas de intenção de voto, Crivella e Garotinho querem se unir, e têm o aval do Palácio do Planalto, que vê na união uma possibilidade de criar um palanque sólido para Dilma no Rio. Mas nenhum dos dois quer ceder e retirar a candidatura.

Quando a campanha começar oficialmente, a estratégia de Garotinho será a concentração de esforços na capital e na Região Metropolitana, onde a rejeição ao ex-governador é mais elevada, e onde ele tem menos votos. Na última pesquisa Ibope/Firjan, de 17 de junho, Garotinho tinha 32% de rejeição, a maior dentre todos os postulantes ao Palácio Guanabara.

Fonte:http://extra.globo.com/noticias/brasil/pr-do-rio-confirma-hoje-garotinho-candidato-ao-governo-do-estado-13065981.html


Comentário: 






COPA 2014: RICOS E BRANCOS SÃO MAIORIA NOS ESTÁDIOS DE FUTEBOL



"JORNAL DO BRASIL
País 
29/06 às 18h52 - Atualizada em 29/06 às 19h06 
Datafolha comprova que JB estava certo: brancos e ricos são maioria em estádios 
Pesquisa Datafolha publicada neste domingo pelo jornal Folha de São Paulo comprova o que o Jornal do Brasil diz há muito tempo: brancos e ricos são maioria em estádios da Copa do Mundo. A enquete com torcedores que compareceram no sábado ao jogo do Brasil contra o Chile, em Belo Horizonte, confirma a percepção de que quem frequenta os estádios da Copa é a "elite branca". 
Entre os 639 entrevistados nos acessos à arena, 67% se declararam brancos e 90% pertencem às classes A ou B. O índice dos autodeclarados pretos (6%) é menos da metade na população em geral, de 15%. 
Segundo o jornal, o torcedor desta Copa se assemelha a um morador de bairros nobres da capital paulista, em termos de renda. Mas é ainda mais escolarizado e também mais diversificado etnicamente. Pretos e pardos são menos de 15% nesses bairros, metade do que se viu no estádio (Leiam mais).

SÃO GONÇALO: REVOLTA PROVOCA PROTESTO VIOLENTO

Os moradores de São Gonçalo sofreram muito nesses quase oito anos de governo Cabral-Pezão.
Eles foram abandonados inclusive em termos de segurança pública, considerando que o município foi um dos que recebeu os traficantes transferidos pelo Secretário de Segurança Beltrame para a instalação de UPPs no município do Rio de Janeiro.
Igual situação vivenciam os moradores dos municípios vizinhos, sendo Niterói o exemplo mais marcante.
Apesar dessas verdades, lembro que os protestos devem ser organizados, ordeiros e pacíficos.
A desordem e o vandalismo não irão resolver os problemas.
"JORNAL O GLOBO
Três pessoas ficaram feridas durante protesto na rodovia RJ-104, em São Gonçalo
Manifestantes interditaram a via e incendiaram três ônibus na altura da Favela Novo México
PAULO ROBERTO ARAÚJO / PRISCILLA AGUIAR / TAÍS MENDES
30/06/2014 8:18 
Os ônibus que foram incendiados na RJ-104, na altura do Trevo de Maria Paula - Genílson Araújo / Agência O Globo 



RIO - Três pessoas foram feridas por balas perdidas num protesto, na manhã desta segunda-feira, na RJ-104, no Trevo de Maria Paula, na altura da comunidade Novo México, em São Gonçalo. Elas foram levadas para o Hospital Alberto Torres, no Colubandê, e não correm risco de morte. O trânsito na rodovia ficou fechado das 7h30m à 11h, devido à manifestação dos moradores da região, que há meses foi ocupada por traficantes da Mangueira, no Rio. Houve engarrafamento de dez quilômetros no sentido Niterói, chegando a Alcântara; e de sete quilômetros em direção a Itaboraí (Leia mais)". 

MORADORES DA PRAÇA SECA EM PÂNICO



Eu sou testemunha do sofrimento dos moradores da Praça e ruas vizinhas com o crescimento da violência na região.
As redes sociais são utilizadas para denunciar o avanço dos criminosos.
No twitter as reclamações são frequentes.
O governo estadual precisa dar uma resposta positiva e urgente.
O primeiro passo é promover a mudança do gestor: o Secretário de Segurança Beltrame.
Ele anda sumido após ter sido denunciado pelo Ministério Público por improbidade e por superfaturamento de contratos.
Pezão não considera essas graves denúncias do MP suficientes para exonerá-lo, mas tem o dever de substitui-lo também pelo fato de que após quase oito anos de gestão ele só conseguiu espalhar a violência pelos bairros e municípios.
É hora de mudar.
Hora de Pezão agir como governador.

UPP DA MARÉ: ADIADA NOVAMENTE A INAUGURAÇÃO




Não será no próximo dia 31 de julho que a comunidade da Maré receberá a UPP, a inauguração foi adiada, novamente.
"JORNAL O DIA 
29/06/2014 23:58:52 
UPP na Maré é adiada de novo
Estado pode pedir que Força de Pacificação federal permaneça por mais tempo. A previsão é que ocupação só ocorra a partir de outubro 
VANIA CUNHA Rio - O maior legado que a Copa do Mundo vai deixar para os moradores do Complexo da Maré é o adiamento, mais uma vez, da instalação de suas Unidades de Polícia Pacificadoras (UPPs). A previsão é de que a ocupação pela Polícia Militar só ocorra a partir de outubro, ainda sem data definida. O motivo é a impossibilidade de colocar no conjunto de favelas, logo após o Mundial, o efetivo de 1.600 policiais previsto para atuar nas três UPPs da Maré. Tanto que, nos bastidores, o governo do estado já ensaia o pedido que deverá fazer ao Ministério da Defesa para prorrogar a permanência da Força de Pacificação do Exército. Pelo acordo, a tropa deveria ficar no Rio até 31 de julho. O que ainda não foi definido pelo Executivo estadual, porém, é quanto tempo a mais será solicitado ao Ministério da Defesa. Os militares que hoje ocupam a Maré vieram de quartéis do Paraná e do Rio Grande do Sul e chegaram no fim do mês passado para substituir os soldados cariocas, que foram atuar no esquema de segurança da Copa (Leia mais)".

CONCURSOS - ATENÇÃO! - NÃO PERCAM OPORTUNIDADES



"JORNAL O GLOBO: 
Calendário com 13 concursos prevê a abertura de 7.337 vagas 
Anatel, Instituto Militar de Engenharia, PM e Secretaria municipal do Rio estão entre dos destaques da semana 
30/06/2014 7:29 
RIO — O calendário de concursos públicos desta semana conta com 13 processos seletivos, que, juntos, oferecem 7.337 vagas imediatas, além de formação de cadastros de reserva. Entre as novidades está o lançamento, na última sexta-feira, do edital da Anatel, que vai contratar 100 pessoas, entre profissionais dos níveis médio e superior. Mas as inscrições só começam dia 11 de julho. Já o Exército vai abrir, a partir do dia 14 de julho, a seleção do Instituto Militar de Engenharia (IME) para o Concurso de Admissão ao Curso de Formação e Graduação de Oficiais da Ativa do Quadro de Engenheiros Militares, cujo salário inicial é de R$ 6.025. A Secretaria municipal de Educação do Rio de Janeiro, por sua vez, vai contratar 110 professores de educação infantil. Também estão abertas as inscrições para as seis mil vagas da Polícia Militar do Estado do Rio. São 5.400 oportunidades para homens e 600 destinadas a mulheres (Leia mais)".

CRIVELLA NÃO SERÁ VICE DE GAROTINHO



Eu estou muito honrado pelo fato de estar sendo avaliado pelo PR para compor a chapa majoritária como Vice-governador, isso mostra um reconhecimento ao trabalho de nossa equipe e a força do mobilização dos Bombeiros.
"JORNAL EXTRA
29/06/14 19:32 Atualizado em 29/06/14 19:32
Crivella rejeita unir-se a Garotinho e torna-se candidato do PRB no RJ 
O senador Marcelo Crivella foi oficializado neste domingo como candidato ao governo do Rio pelo PRB, encerrando rumores de que o partido poderia abrir mão de ter candidato em função de possíveis alianças ou a pedido do governo federal, de quem o partido se diz aliado.
Para não deixar dúvida, logo após a convenção que o oficializou, no Rio, Crivella, disse que não existe a possibilidade de ele aceitar ser vice-governador na chapa do PR, que indicou, também neste domingo, Anthony Garotinho ao governo do Estado. "Não há hipótese [de aceitar a vaga de vice na chapa do Garotinho]. Tenho maior respeito por todas as candidaturas, mas espero que eles também tenham respeito pela minha, pois eu represento um grupo importante na política do Rio, que me dá mais de 20% [de intenção de voto] nas pesquisas. Eu não posso, de maneira nenhuma, negar a elas o sonho de governar o Rio", disse Crivella (Leia mais)".


domingo, 29 de junho de 2014

RIO: CONCURSO PARA PROFESSOR

(Fonte: Jornal Extra)

SÉRGIO CABRAL, O "DEUS BACO" DA POLÍTICA DESTRUTIVA QUE TEMOS QUE ACABAR

(Fonte: Jornal Extra)

HOJE: PR CONFIRMA GAROTINHO CANDIDATO AO GOVERNO


(Fonte: O Globo)

RIO: O ESCÂNDALO DA COMPRA DOS BLINDADOS



A semana começará com novidades sobre o escândalo da compra dos blindados da África do Sul pelo Governo Cabral-Pezão.
Dados estão sendo recolhidos para uma nova denúncia será feita ao Ministério Público.
Lembro que o atual Secretário de Segurança Beltrame e o ex-Chefe da Casa Civil Regis Fichtner já foram denunciados pelo Ministério Público por improbidade e pelo superfaturamento de contratos relacionados com viaturas da Polícia Militar.
O Ministério Público cobra a devolução de centenas de milhões de reais.
Eu publicarei tudo no blog.

BELTRAME E REGIS FICHTNER ENVOLVIDOS EM OUTRA DENÚNCIA DE SUPERFATURAMENTO




Blindados chegam atrasados para a Copa causam polêmica por licitações suspeitas

Dois processos licitatórios, de 2012 e 2013, citam a compra dos veículos da Paramount

Jornal do Brasil
Cláudia Freitas
A chegada de oito veículos táticos blindados para o transporte de tropas das polícias civil e militar no Rio de Janeiro, no dia 21 de junho, tem causado polêmica nos corredores da Câmara e da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). O vereador Marcio Garcia (PR-RJ) e o deputado Geraldo Pudim (PR-RJ) estão questionando a legitimidade do Pregão Internacional feito pela Secretaria Estadual da Casa Civil para a compra dos blindados, no ano passado, que teve como vencedora a empresa sul-africana Paramount Logistics Corporation, e eles devem recorrer ao Ministério Público Estadual (MPE), caso o governo não esclareça os motivos que levaram a realização da licitação.     
"Pode ter acontecido uma manipulação nesse Pregão Internacional para afastar as possibilidade de participação de empresas brasileiras e seleção de projetos nacionais, como o Vespa 2, que seria uma alternativa muito mais barata para o país.", disse o vereador. A referencia de Garcia diz respeito a um projeto de fabricação de nova geração de veículos blindados pelo Exército Brasileiro, apelidado de Viatura Especial de Patrulhamento (Vespa 2), indicados para uso pelo Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e pela Polícia Militar, em substituição aos Caveirões, e que foi amplamente divulgado pelas forças armadas no ano de 2011. 



Blindados recebidos pela Seseg e fabricados pela empresa sul-africana
Blindados recebidos pela Seseg e fabricados pela empresa sul-africana

Na época, o Centro de Tecnologia do Exército (CTEx) publicou que o protótipo foi idealizado pelo então major Paulo Aguiar, era um veículo mais robusto e ágil, além de atender todas as especificações da PM e ser destinado a operações em favelas da cidade. O projeto, ainda com base nas reportagens, foi financiado pela Faperj (Financiadora de Estudos e Projetos), a pedido do governo do Rio e já havia sido testado na Restinga da Marambaia. Pelas especificações do CTEx, o veículo tinha blindagem para fuzis, seteiras (buracos para pôr o cano das armas e disparar), proteção do cofre do motor, capacidade para 10 pessoas, tendo como novidade a pestana (capa de aço no parabrisa) com acionamento interno e maior espaço interno, além de ar-condicionado, sirene e tração nas quatro rodas, para facilitar a circulação em aclives e declives e garante a aderência, evitando derrapagem. O peso do veículo é de 7,2 toneladas e ele atinge 100 km/h. 
“É uma solução customizada e ouvi bastante o Bope, que participou dos requisitos. É um projeto para atender a baixo custo e usa chassi e motor a diesel da Volks. Temos capacidade de fazer, preço interessante, Não será preciso importar”, contou o então major Paulo Aguiar, que atualmente ocupa o posto de tenente-coronel no CTEx. O oficial revelou também que o projeto foi custeado em R$ 430 mil. Procurado pelo Jornal do Brasil para comentar sobre a continuidade do projeto pelo CTEx nos últimos três anos, o tenente-coronel Aguiar disse que não tinha permissão para dar entrevista sobre o assunto sem a permissão da Assessoria de Comunicação do Centro. O JB tentou inúmeras vezes contato com a Comunicação do CTEx, sem sucesso. O CTEx é responsável pelas principais pesquisa e desenvolvimento de projetos tecnológicos do Exército e possui um quadro de “professores Pardais” para elaborar novos produtos de Defesa para o país.




O vereador Marcio Garcia citou ainda uma outra suposta licitação que aconteceu no ano de 2012, pela Secretaria Segurança Pública do Rio (Seseg), para compra de blindados e que também foi amplamente divulgado pela imprensa. As reportagens desse período destacam que os blindados viriam da África do Sul, produzidos pela empresa Paramount, já batizados de Maverick e haviam superado modelos como o russo Rosboron Tigre, o francês Panhard, o sul-africano Gila, o israelense Sand Cat e o brasileiro Vespa. Segundo as informações publicadas naquele ano, o governo do Rio havia adquirido, pelo menos, 10 unidades para substituir a frota de blindados.   
"Por que essa licitação foi abandonada pela Secretaria de Segurança? Ou o que aconteceu com esse processo? O governo precisa esclarecer essas questões.", disse Garcia. Na sua avaliação, os fatos apontam para indícios de irregularidade e uma "manipulação" para tirar dos processos licitatórios os projetos nacionais. "Eles [governo do Estado] colocam exigências, como as do combustível, por exemplo, para dificultar e até impossibilitar a participação das empresas nacionais. O Exército não conseguiria fazer determinadas adaptações que foram exigidas de última hora a tempo de participar da concorrência", destacou o vereador.  
Garcia disse que está aguardando esclarecimentos do governo do Estado sobre a questão, caso não obtenha retorno, vai apelar para o MPE com um pedido de investigação das licitações envolvendo os blindados. Segundo o vereador, um "sinal amarelo" acendeu logo que os blindados chegaram ao Rio e ele tomou conhecimento da licitação de 2012 e do projeto Vespa 2. "Em todos os casos os veículos táticos foram licitados com a mesma justificativa, serem utilizados nos megaeventos, sendo que a frota chega quase na metade da Copa no Brasil", comentou o vereador. "Se podemos ter um produto nacional bem mais barato e dentro das especificações da própria Seseg, qual o motivo de buscar uma empresa estrangeira? Isso causa muita estranheza", completou. Garcia montou uma equipe de pesquisa para estudar os preços de veículos semelhantes ao Maverick em outros países, assim como as regras dos processos licitatórios.
Compartilhando da mesma opinião de Garcia, o deputado estadual Geraldo Pudim (PR) considera que os episódios envolvendo os blindados e os processos de licitação demonstram a "incompetência e a certeza da impunidade" da Secretaria de Segurança Pública. Para Pudim, se existe um veículo que atende às demandas da segurança com tecnologia nacional, não há justificativas para se fazer uma licitação em nível internacional, quando favorece uma empresa sul-africana, que não conseguiu atender aos prazos estabelecidos para a entrega dos veículos, que deveriam servir aos eventos da vinda do Papa Francisco, a Copa das Confederações e a Copa do Mundo. "Os veículos só chegam no dia 21, já com duas semanas de Copa. Caracteriza a incompetência do governo. Não é a primeira vez que isso acontece.", reclamou o deputado.




Pudim relembrou que há poucos meses fez uma denúncia crime envolvendo a compra de viaturas para a PM pela Seseg, em um caso que na Bahia resultou em cadeia para diretores da empresa Julio Simões, os mesmos que assinaram o contrato com o secretário José Mariano Beltrame. "Mas aqui no Rio até agora não deu em nada.", reclamou o parlamentar. Ele ressaltou que a licitação das viaturas foi marcada pelo superfaturamento, o que deve chamar a atenção para outros processos licitatórios semelhantes. "Ao mesmo tempo que isso acontece, vemos um Batalhão de Choque andando de trem, recebendo comida estragada, policiais dormindo no chão, UPPs funcionando em latões. É um processo vergonhoso que mostra a falta de impunidade e incompetência do governo. E ficamos sabendo de mais policiais mortos.", disse Pudim.
O deputado revelou que se sente tolido do seu dever de fiscalização pela pressão da maioria esmagadora do governo na Alerj. Porém, vai recorrer à Lei de Transparência e pedir informações administrativas e técnicas do governo sobre a licitação dos blindados em 2012 e 2013, além dos motivos da tecnologia nacional não ter sido utilizada. Segundo ele, se não houver uma justificativa satisfatória, vai optar mais uma vez pela judicialização da questão. "Já que quando apresentamos questões dessa natureza na Alerj somos derrotados, vamos recorrer à Justiça", informou. 
Os blindados fabricados pela sul-africana Paramount chegaram ao Rio de Janeiro no dia 21 de junho. O Pregão Internacional aconteceu em janeiro do ano passado e o seu edital apresenta como justificativa para a compra dos equipamentos táticos, no valor de R$ 22,3 milhões, a garantia da segurança pública em megaeventos que já foram sediados na cidade em 2013, como a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), a Copa das Confederações e a Copa do Mundo, que estava no seu décimo dia de realização no país quando os veículos chegaram ao Porto do Rio.
O Jornal do Brasil entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública para esclarecer as questões levantadas pelos parlamentares envolvendo a compra dos blindados e a não utilização da tecnologia nacional do Exército. Até o fechamento desta reportagem a Seseg ainda não havia retornado. 
  No início do ano, o Ministério Público do Estado ajuizou uma ação civil pública contra o Secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, pedindo o bloqueio de seus bens e a suspensão dos direitos políticos por oito anos. Na ação, o MP acusa Beltrame de improbidade administrativa com base em denúncias feitas pela 7ª Promotoria da Tutela Coletiva e pelo Tribunal de Contas do Estado. Segundo o TCE, há “claros indícios de superfaturamento de preços” em três contratos assinados pela Seseg com empresas do grupo Júlio Simões, para a compra e manutenção de viaturas policiais. O MP destaca no conteúdo da ação que foram apresentadas notas fiscais genéricas e relatórios sintéticos, além do pagamento por serviços não prestados.
As investigações do MP apontam para um superfaturamento na compra das viaturas. O Ministério Público também concluiu que durante quatro anos o governo efetuou pagamento mensal no valor de R$ 100 mil por um serviço que deveria ser prestado pela contratada, mas que não foi executado. Os contratos foram firmados pela Seseg com o grupo Júlio Simões no período de 2008 e 2009. As denúncias foram feitas ao MP pelo ex- Corregedor da Polícia Militar, coronel Paulo Ricardo Paúl, no ano de 2009. Paúl teve acesso ao conteúdo do contrato e afirma que as cláusulas garantiam uma negociação "casada", ou seja, para compra e manutenção da frota da PM. "O comando da PM na época não aceitou esse acordo, então foi feito pela Secretaria de Segurança", contou o coronel.
No início de junho, o MP ajuizou duas novas ações de improbidade administrativa pedindo a devolução de R$ 730 milhões aos cofres públicos por conta do escândalo da compra superfaturada de viaturas da PM, dessa vez acusando o ex-chefe da Casa Civil Regis Fichtner e o seu ex-chefe de gabinete Artur Bastos, que atualmente é conselheiro da Agetransp. A segunda ação pública acusa o ex-chefe do Estado Maior da PM Álvaro Garcia de participação no mesmo esquema. O MP afirma que eles assinaram contratos superfaturados com a empresa CS Brasil, do grupo Júlio Simões, e os valores pagos pelo estado do Rio é 347% maior que a média do mercado.
O coronel Paulo Ricardo Paúl, autor das denúncias contra Beltrame e Fischtner, também achou "estranho" o Pregão Internacional autorizado pela Secretaria da Casa Civil para a compra dos blindados, no ano passado. "Levando em conta o caso das viaturas da PM, há de se prestar muita atenção nessas novas adquisições. É muito estranho o governo do Estado optar por uma empresa estrangeira para fabricar um veículo quando o Exército já havia apresentado um protótipo que atendia às especificações da própria Seseg, e para atuar nas comunidades e durantes os eventos. Tem que ser investigado e esclarecido", disse o coronel Paúl. 
Em função das ações que tramitam pelo Tribunal de Justiça do Rio, tanto Beltrame quanto Fischtner continuam com os seus bens bloqueados, a pedido do MP, que também solicitou a perda dos cargos públicos de ambos.
O jornal britânico The Telegraph publicou em janeiro deste ano que um jato vendido pela presidente do Malawi, Joyce Banda, pode ter sido comprado por um grupo "controverso da África" e que a presidente estaria usando o jato sem qualquer despesa mesmo após a negociação. A aeronave foi adquirida em 2013 pela empresa Bohnox Enterprises, registada nas Ilhas Virgens Britânicas, e enviado para a África do Sul, onde é emprestado para VIPs pela empresa Fortune jato de ar, segundo a publicação. As empresas estão ligadas ao grupo Paramount Group.
De acordo com o jornal, relatórios no Malawi sugerem que mesmo depois do avião ser vendido, a presidente Banda continuou a usá-lo regularmente em viagens para eventos em todo o continente. Os deslocamentos citados faziam parte de um total de 20 voos particular que ela fez em apenas três meses no final do ano passado, segundo os relatórios comentados pelo Telegraph. Segundo o veículo, a Paramount é gerida pelos irmãos Sul-Africanos Ivor e Eric Ichikowitz e especializada na fabricação de veículos blindados e aéreos não tripulados. O grupo já intermediou um acordo para o governo do Malawi para equipar suas tropas de manutenção de paz na República Democrática do Congo. Já a Trans África Capital, uma empresa de capital de risco gerido por Eric Ichikowitz, também assinou contratos de combustíveis com o governo do Malawi.
Fonte: http://www.jb.com.br/rio/noticias/2014/06/28/blindados-chegam-atrasados-para-a-copa-causam-polemica-por-licitacoes-suspeitas/

sábado, 28 de junho de 2014

ONDE ESTÁ BELTRAME? TRÁFICO MANDA EM SÃO GONÇALO E MATA POLICIAL MILITAR

O Secretário de Segurança Pública Beltrame anda meio sumido após o Ministério Público ter apresentado contra ele denúncias de improbidade administrativa e de superfaturamento de contratos.
Enquanto isso...

(Fonte: O Dia)

ONDE ESTÁ BELTRAME? CRIMINALIDADE DISPARA NO RIO

O Secretário de Segurança Pública Beltrame anda meio sumido após o Ministério Público ter apresentado contra ele denúncias de improbidade administrativa e de superfaturamento de contratos.
Enquanto isso...

(Fonte: O Dia)

RIO: PROFESSORES ENCERRAM A GREVE

(Fonte: Meia Hora)


Os profissionais da educação pública das redes estadual e municipal do Rio de Janeiro encerraram a greve e retornarão às aulas.
Boa notícia!


MORADORES DO ENGENHO DE DENTRO SEM ÁGUA NAS TORNEIRAS

Copa do Mundo sem água no Engenho de Dentro.

(Fonte: O Dia)

SUSPEITO! PEZÃO COMPRA BLINDADOS DA ÁFRICA DO SUL AO INVÉS DE COMPRAR BLINDADOS NO BRASIL



Eu estou buscando mais informações sobre a compra de blindados pelo governo Cabral-Pezão, tendo em vista que os veículos foram comprados de uma empresa da África do Sul, mas antes  a própria Secretaria de Segurança tinha solicitado ao Exército Brasileiro a construção de um blindado e forneceu todos os detalhes.
O veículo foi produzido testado e aprovado.
Por que não compraram o blindado nacional muito mais barato que o produzido na África do Sul?
A suspeição é justificada sobretudo pelo fato de Beltrame e Regis Fichtner terem sido denunciados recentemente pelo Ministério Público exatamente por superfaturamentos de contratos e por improbidade administrativa.
A seguir transcrevo parte da reportagem publicada no Jornal do Brasil (Cláudia Freitas) sobre esse "estranho" caso:

"(...) O vereador Marcio Garcia citou ainda uma outra suposta licitação que aconteceu no ano de 2012, pela Secretaria Segurança Pública do Rio (Seseg), para compra de blindados e que também foi amplamente divulgado pela imprensa. As reportagens desse período destacam que os blindados viriam da África do Sul, produzidos pela empresa Paramount, já batizados de Maverick e haviam superado modelos como o russo Rosboron Tigre, o francês Panhard, o sul-africano Gila, o israelense Sand Cat e o brasileiro Vespa. Segundo as informações publicadas naquele ano, o governo do Rio havia adquirido, pelo menos, 10 unidades para substituir a frota de blindados. 
"Por que essa licitação foi abandonada pela Secretaria de Segurança? Ou o que aconteceu com esse processo? O governo precisa esclarecer essas questões.", disse Garcia. Na sua avaliação, os fatos apontam para indícios de irregularidade e uma "manipulação" para tirar dos processos licitatórios os projetos nacionais. "Eles [governo do Estado] colocam exigências, como as do combustível, por exemplo, para dificultar e até impossibilitar a participação das empresas nacionais. O Exército não conseguiria fazer determinadas adaptações que foram exigidas de última hora a tempo de participar da concorrência", destacou o vereador.

Garcia disse que está aguardando esclarecimentos do governo do Estado sobre a questão, caso não obtenha retorno, vai apelar para o MPE com um pedido de investigação das licitações envolvendo os blindados. Segundo o vereador, um "sinal amarelo" acendeu logo que os blindados chegaram ao Rio e ele tomou conhecimento da licitação de 2012 e do projeto Vespa 2. "Em todos os casos os veículos táticos foram licitados com a mesma justificativa, serem utilizados nos megaeventos, sendo que a frota chega quase na metade da Copa no Brasil", comentou o vereador. "Se podemos ter um produto nacional bem mais barato e dentro das especificações da própria Seseg, qual o motivo de buscar uma empresa estrangeira? Isso causa muita estranheza", completou. Garcia montou uma equipe de pesquisa para estudar os preços de veículos semelhantes ao Maverick em outros países, assim como as regras dos processos licitatórios.

Compartilhando da mesma opinião de Garcia, o deputado estadual Geraldo Pudim (PR) considera que os episódios envolvendo os blindados e os processos de licitação demonstram a "incompetência e a certeza da impunidade" da Secretaria de Segurança Pública. Para Pudim, se existe um veículo que atende às demandas da segurança com tecnologia nacional, não há justificativas para se fazer uma licitação em nível internacional, quando favorece uma empresa sul-africana, que não conseguiu atender aos prazos estabelecidos para a entrega dos veículos, que deveriam servir aos eventos da vinda do Papa Francisco, a Copa das Confederações e a Copa do Mundo. "Os veículos só chegam no dia 21, já com duas semanas de Copa. Caracteriza a incompetência do governo. Não é a primeira vez que isso acontece.", reclamou o deputado. 
Caracteriza a incompetência do governo. Não é a primeira vez que isso acontece. Pudim relembrou que há poucos meses fez uma denúncia crime envolvendo a compra de viaturas para a PM pela Seseg, em um caso que na Bahia resultou em cadeia para diretores da empresa Julio Simões, os mesmos que assinaram o contrato com o secretário José Mariano Beltrame. "Mas aqui no Rio até agora não deu em nada.", reclamou o parlamentar. Ele ressaltou que a licitação das viaturas foi marcada pelo superfaturamento, o que deve chamar a atenção para outros processos licitatórios semelhantes. "Ao mesmo tempo que isso acontece, vemos um Batalhão de Choque andando de trem, recebendo comida estragada, policiais dormindo no chão, UPPs funcionando em latões. É um processo vergonhoso que mostra a falta de impunidade e incompetência do governo. E ficamos sabendo de mais policiais mortos.", disse Pudim.

O deputado revelou que se sente tolido do seu dever de fiscalização pela pressão da maioria esmagadora do governo na Alerj. Porém, vai recorrer à Lei de Transparência e pedir informações administrativas e técnicas do governo sobre a licitação dos blindados em 2012 e 2013, além dos motivos da tecnologia nacional não ter sido utilizada. Segundo ele, se não houver uma justificativa satisfatória, vai optar mais uma vez pela judicialização da questão. "Já que quando apresentamos questões dessa natureza na Alerj somos derrotados, vamos recorrer à Justiça", informou (Leia a íntegra).

sexta-feira, 27 de junho de 2014

REGRAS DE TRÂNSITO: FIFA NÃO SEGUE O "PADRÃO FIFA"



"JORNAL EXTRA 
27/06/14 14:15 Atualizado em 27/06/14 14:34 
Copa 2014: carro oficial da Fifa é flagrado estacionado em cima da calçada, em Botafogo 
Um carro oficial da Fifa foi fotografado nesta sexta-feira estacionado em cima da calçada, na Rua Real Grandeza, em Botafogo. No momento em que foi tirada a foto, havia um motorista dentro do veículo, mas ele estava parado já há alguns minutos. 
Estacionar na calçada ou sobre a faixa de pedestre, canteiros centrais, gramados ou jardins públicos está sujeito a multa de R$ 127.69 e remoção do veículo com perda de cinco pontos na carteira, diz o site do Detran (Leia mais)". 

COPA 2014 - FIM DA FASE DE GRUPOS - COMENTÁRIOS



A fase de grupos da Copa do Mundo de Futebol terminou e a seleção do Brasil se classificou para jogar as oitavas de final contra a seleção do Chile.
Os transtornos esperados aconteceram, sobretudo no trânsito, mas os problemas nos aeroportos não ocorreram na incidência alardeada.
As esperadas manifestações reunindo milhares de pessoas protestando contra a realização da Copa não aconteceram, os protestos se limitaram a pequenos grupos que pareciam ter como principal objetivo confrontar com a Polícia Militar e não criticar os gastos nos estádios de futebol.
Tenho certeza que o sucesso da seleção fez com que o amor do brasileiro pelo futebol enfraquecesse as manifestações e acredito que com o avanço da seleção na competição as chances da ocorrência de grandes manifestações são mínimas.
Fiz essa previsão no blog.
Tudo pode mudar de figura se a seleção brasileira tropeçar e for eliminada antes da final, algo que não desejo, mas que se trata de uma possibilidade que não pode ser desprezada, sobretudo pelas autoridades da área da segurança pública, considerando que a seleção não apresentou o melhor futebol entre as concorrentes na fase de grupos.
Tudo dando certo, a Copa seguirá sendo uma grande festa.
O povo brasileiro é hospitaleiro e está interagindo de forma muito positiva com os turistas.
Se a seleção for campeã teremos um Carnaval fora de época por todo Brasil e apenas os comerciantes terão que lamentar os grandes prejuízos gerados pelos feriados.


LUTANDO NA ALERJ PELOS BOMBEIROS MILITARES


(ALERJ)

quinta-feira, 26 de junho de 2014

RESULTADO DE UMA GUARDA MUNICIPAL DESARMADA

Não é de hoje que a Guarda Municipal está lutando pelo seu armamento.
No texto citado, informei que retiraram todas e quaisquer armas com fito à proteção individual e visando a garantia dos direitos constitucionais dos munícipes.
Diante disso, luto até hoje para que consiga recolher 17 assinaturas para ter o direito de dar entrada em Projeto de Emenda a Lei Orgância, cujo teor é alterar o inciso VI do art. 30. Para que o P.E.L.O. possa ir às Comissões e depois à votação, preciso contar com 17 assinaturas denominadas “apoiamento”. Até a data de hoje consegui apenas o apoio de 9 vereadores, a saber: César Maia, Eduardo Moura, Cristiane Brasil, Jefferson Moura, Paulo Messina, Carlos Bolsonaro, Eliomar Coelho, Vera Lins e Eliseu Kessler. Desta forma, convoco os Guardas Municipais para que falem com seus vereadores, pedindo a eles que apoiem o P.E.L.O., assinando o requerimento.
Não podemos esperar.
Em esperando, o Guarda Municipal ELSON, lotado na 7ª IGM, foi agora há pouco (26/06/2014) ESFAQUEADO NAS COSTAS por uma vendedora ambulante no centro comercial do bairro da Taquara, Jacarepaguá, com PERFURAÇÃO DE PULMÃO. O GM está em estado grave no Hospital Municipal Lourenço Jorge, no bairro da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.


Vamos torcer pela pronta recuperação do amigo.


Quantos mais GM atacados serão precisos até o Excecutivo e o Legislativo entenderem que desarmar a Guarda é deixá-los em situação de total risco?

ALERJ: É O BOMBEIRO NO LOCAL

A comissão do SOS já está na ALERJ.
Dividimos nosso efetivo estrategicamente entre galeria e gabinetes parlamentares.
Estamos solicitando aos deputados que aprovem as emendas para que seja garantido um aumento verdadeiro para a Bombeirada.
Certamente hoje será o primeiro round de uma série de batalhas.
Precisamos de você aqui na ALERJ!
Vem! Vem! Vem ..!

A "PACIFICAÇÃO" DE BELTRAME: CRIANÇA DE 3 ANOS MORTA EM TIROTEIO

(Fonte: Expresso-RJ)

COPA DO MUNDO: COMÉRCIO DO RIO TEM PREJUÍZO DE R$ 2,2 BILHÕES

(Fonte: O Dia)

GOVERNO PEZÃO - PEC QUE "AUMENTA" SALÁRIOS DE DELEGADOS E CORONÉIS APROVADA

(Fonte: O Globo)

RIO - SERVIDORES - OS MICRO REAJUSTES

(Fonte: Jornal Extra)

COPA DO MUNDO: ATUAÇÃO DOS BOMBEIROS MILITARES

(Fonte: O Fluminense)

RIO - SAÚDE PÚBLICA - O CALVÁRIO DE UMA IDOSA



A saúde pública no Rio de Janeiro é um caos completo que só será resolvido com a responsabilização penal, administrativa e civil dos integrantes do governo gestores da área, como está começando a ocorrer na área da segurança pública.
"JORNAL EXTRA
26/06/2014 06:20:27
 Sem ambulância e sem poder levantar da cama, idosa não consegue sair de casa para retirar pontos de cirurgia no hospital
Foi um tombo no banheiro de casa que levou Maria Avelino da Silva, de 64 anos, para a mesa de cirurgia no último dia 15.
Foi um tombo no banheiro de casa que levou Maria Avelino da Silva, de 64 anos, para a mesa de cirurgia no último dia 15. A operação, realizada no Hospital Estadual São Francisco de Assis, na Tijuca, corrigiu a fratura no fêmur da idosa e, no dia seguinte, ela recebeu alta. Uma ambulância da unidade levou a paciente em casa, no Morro do Chapadão, na Pavuna. Sem poder sentar e muito menos andar, Maria teria que voltar ao hospital nesta quinta-feira para retirar os pontos e passar por revisão médica. A consulta está marcada para as 8h. Mas, há uma semana, as filhas da pacientes tentam em vão conseguir uma ambulância para o transporte.
- No São Francisco de Assis, nos disseram que a parte deles já havia sido feita e que, agora, era com a família. Nos recomendaram procurar uma Clínica da Família - conta Cristiane Avelino da Silva, de 38 anos, filha de Maria.
Na Clínica da Família Manoel Fernandes de Araújo, no Village, na Pavuna, Cristiane afirma ter ouvido da funcionária que não seria possível enviar a ambulância da unidade para fazer o transporte de sua mãe porque ali só havia um veículo para atender a todos. - Ela então me mandou ir ao Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes. Lá, a assistente social me mandou procurar a Prefeitura do Rio. Fui até o prédio da prefeitura. Lá disseram que não podiam resolver nada, me deram o telefone da Secretaria Especial de Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida e o endereço do Plantão Judiciário do Tribunal de Justiça. Na última terça-feira, estive o Plantão Judiciário e o juiz me recomendou voltar ao Hospital São Francisco de Assis. Ele disse que a responsabilidade era do hospital que fez a cirurgia. Não sei mais o que fazer - relata Cristiane.- Minha mãe vai perder a consulta.
Questionada sobre se existe um serviço de transporte em ambulâncias para pacientes em tratamento ambulatorial e que órgão seria responsável pelo transporte de Maria Avelino, a assessoria de imprensa da Secretaria estadual de Saúde respondeu apenas que "a direção do Hospital São Francisco de Assis informa que não faz parte de suas atribuições o transporte de pacientes para consultas ambulatoriais".
Já a assessoria da Secretaria municipal de Saúde informou, por telefone, que a responsabilidade pelo transporte de pacientes em ambulâncias para tratamento ambulatorial depende da complexidade do estado de saúde do doente e do lugar em que ele mora. Em casos de urgência e emergência, a recomendação é procurar UPAs ou o Samu. Nos demais casos, deve-se procurar as Clínicas da Família ou os Centros Municipais de Saúde".

quarta-feira, 25 de junho de 2014

UMA TRISTE ROTINA NO RIO: ENTERRO DE POLICIAL MILITAR



"SITE G1 
24/06/2014 11h57 - Atualizado em 24/06/2014 12h54 
Policial militar morto em tiroteio no Alemão é enterrado no Rio 
Fábio Gomes da Silva foi baleado durante confronto no domingo (22). 
Dois jovens morreram e outras duas pessoas ficaram feridas. 
O policial militar Fábio Gomes da Silva, morto em confronto com traficantes no Conjunto de Favelas do Alemão, Zona Norte do Rio, na noite de domingo (22), foi enterrado na manhã desta terça-feira (24). Dois jovens morreram e outras duas pessoas ficaram feridas por disparos de arma de fogo durante o tiroteio. Segundo nota da UPP divulgada na segunda-feira (23), o confronto ocorreu depois que PMs foram apurar a denúncia de que um homem estava sendo espancado por traficantes, na localidade conhecida como Areal, e foram recebidos a tiros por criminosos (Leia mais)",

DINHEIRO PÚBLICO: OLHOS ABERTOS SOBRE OS NOVOS BLINDADOS DA POLÍCIA



Eu publiquei um artigo sobre os novos blindados adquiridos pelo governo do Rio de Janeiro, eles foram comprados de uma empresa da África do Sul.
Destaquei a importância do uso dos blindados como forma de proteger os Policiais Militares, mas o dia 14 de maio de 2014, data na qual o Ministério Público denunciou por improbidade administrativa e por superfaturamento de contratos o atual Secretário de Segurança Beltrame  (o ex-Chefe da Casa Civil Regis Fichtner foi denunciado dias depois), confesso que tenho uma especial preocupação com as compras e os contratos da área da segurança pública.
O Jornal do Brasil também está com os olhos bem abertos sobre essa compra, considerando a reportagem abrangente que publicou e que transcrevo a seguir.
O edital faz parte da reportagem.
A licitação internacional foi realizada pela Casa Civil.
Eu vou continuar buscando mais detalhes sobre a licitação e sugiro que leiam com muita atenção a reportagem, afinal é o seu dinheiro que está sendo gasto:

"JORNAL DO BRASIL
24/06 às 18h00 - Atualizada em 24/06 às 18h46
Governo do Rio recebe blindados destinados a JMJ e Copa da Confederações
Veículos táticos estavam previstos para garantir a segurança na cidade durante a Copa
Cláudia Freitas
No último sábado (21/6) o governo do Estado do Rio de Janeiro, através da Secretaria de Estado de Segurança (Seseg), recebeu oito veículos táticos blindados para transporte de tropas, licitados em janeiro do ano passado em um Pregão Internacional. O edital do pregão apresenta como justificativa para a compra dos equipamentos, no valor de R$ 22,3 milhões, a garantia da segurança pública em megaeventos que já foram sediados na cidade em 2013, como a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), a Copa das Confederações e a Copa do Mundo, que estava no seu décimo dia de realização no país quando os veículos chegaram ao Porto do Rio. 
Em um vídeo postado no perfil do Governo do Estado no YouTube, o sargento do Bope Ricardo Pinna faz uma apresentação dos blindados, também chamados de "supercaveirões", informando que quatro deles serão destinados ao Batalhão de Operações Especiais da PM (Bope), dois ao Batalhão de Polícia de Choque (BpChq) e dois a Coordenadoria de Recursos Especiais da Polícia Civil (Core). De acordo com o discurso do oficial, os novos veículos serão utilizados com a finalidade de consagrar o processo de pacificação. No entanto, o edital publicado no dia 08 de janeiro de 2013 no Diário Oficial do Estado, aponta como motivo principal da compra a realização da Copa do Mundo (Leiam mais)".

150 DELEGADOS DA POLÍCIA CIVIL "INVADIRAM" A ALERJ



(Fonte: Jornal Extra)


COPA PROVOCA PREJUÍZO DE BILHÕES NO RIO DE JANEIRO




Hoje é feriado no Rio de Janeiro.
Motivo: um jogo no Maracanã.
Um jogo da seleção brasileira?
Não.
O jogo será entre França e Equador.
O motivo para ser feriado no Rio de Janeiro não é o jogo, mas a falta de estrutura da cidade para realizar grandes eventos. Assim, para evitar o caos completo nos transportes públicos, por exemplo, o prefeito Eduardo Paes optou pelo feriado.
Simples!
O comércio está tendo um grande prejuízo com os feriados provocados indiretamente pelos jogos da Copa do Mundo.
Republico um artigo do início do ano para servir de parâmetro:

"JORNAL O DIA 
07/01/2014 00:10:07 
Comércio do estado vai perder R$ 4,4 bi com feriados da Copa
Com mais 12 dias sem trabalho este ano, prejuízo do setor pode chegar a R$ 17,6 bilhões 
HENRIQUE MORAES
Rio - Um prejuízo estimado em R$ 4,4 bilhões para os setores de comércio e serviço do Estado do Rio. Esse é o cálculo do Clube de Diretores Lojistas do Rio de Janeiro (CDLRio) com os quatro feriados a mais neste ano devido à Copa do Mundo — nos dias de jogos da Seleção Brasileira, caso seja aplicada a Lei Geral da Copa. Os quatro somados aos 12 feriados previstos no estado, pode fazer o ano terminar com 16 dias parados elevando a perda para R$ 17,6 bilhões (Leiam mais).

NUNCA VOU ABANDONAR OS BOMBEIROS

SOS TRABALHANDO

Tivemos a oportunidade de encontrar vários deputados na ALERJ, e estamos sensibilizando os parlamentares para a necessidade de diminuir o número de parcelas, e assim garantir um aumento verdadeiro para a Bombeirada.

Nesse momento os deputados estão reunidos avaliando nossa emenda e de outras categorias.
Aproveitamos a oportunidade para lembrar aos deputados outros itens da nossa pauta de reivindicações,  como a atualização do valor do auxílio transporte, dentre outras.


COMBATEMOS FOFOCA COM TRABALHO





Falamos com muitos outros, mas, na correria não foi possível registrar a cada um. 
Talvez por nossa presença e de outras categorias, tenha sido o motivo do adiamento da votação para amanhã em caráter extraordinário. Parece que o governo quer votar na hora do jogo... muda o governador, mas as artimanhas continuam as mesmas de sempre.

Necessitamos urgentemente de mudanças!

terça-feira, 24 de junho de 2014

CORPO DE BOMBEIROS - CONCURSO - RESULTADOS DOS EXAMES INTELECTUAL E DE SAÚDE

(Fonte: Folha Dirigida)

Os candidatos podem poder no site da FUNCEFET os resultados dos exames intelectual e de saúde.
Acesse:
https://www.funcefetconcurso.org.br/
Lembro que o concurso continua alvo de inquérito por parte do Ministério Público.

POLÍCIA MILITAR - CONCURSO - SEGUNDO ADVOGADO EDITAL TEM EXIGÊNCIA INCONSTITUCIONAL

(Fonte: Jornal O Dia)

O advogado Marcelo Queiroz alega que o edital da PM não poderia ter limite de idade.
Ele explica como devem agir os candidatos que estão acima do limite.

PM MORRE NO ALEMÃO NO CONFRONTO DE NÚMERO 98 EM 2014

(Fonte: Jornal Extra)

No "pacificado" Complexo do Alemão, versão Secretário de Segurança Pública Beltrame, estamos próximos de alcançar o CENTÉSIMO CONFRONTO, isso apenas em 2014.
A "pacificação" de Beltrame é algo que ninguém vê, aliás, ele anda sumido depois de ter sido denunciado pelo Ministério Público.

LOUCURA OU DESEPERO: PEZÃO PEDIRÁ VOTOS PARA 3 CANDIDATOS À PRESIDÊNCIA

(Fonte: Correio Braziliense)

Pezão terá no seu palanque Dilma Rousseff, Aécio Neves e Pastor Everaldo.
Pergunto:
- Qual é o candidato que Pezão recomenda?
Tenho que concordar com Eduardo Paes, parceiro de Cabral e Pezão, isso virou um "bacanal eleitoral".

PEZÃO: ACUMULANDO REJEIÇÕES

(Fonte: Jornal O Dia)

Penso que o desespero deve estar tomando conta do governador Pezão.
Na tentativa de subir nas pesquisas ele tem feito alianças que significam acúmulos de rejeição.
Se não bastasse a super rejeição de Sérgio Cabral...

VIGAS DA PERIMETRAL: CABRAL, PEZÃO, PAES, BELTRAME, ..., NINGUÉM ACHA AS VIGAS

(Fonte: O Globo)

Após oito meses, ninguém acha as vigas da Perimetral que foram furtadas.
Isso é impressionante, considerando o tamanho das vigas.
Se não conseguem achar vigas gigantescas, como localizarão Amarildo?

FALÊNCIA DA SAÚDE PÚBLICA: GUARDAS MUNICIPAIS REALIZAM PARTO NA RUA



Guardas municipais do Rio de Janeiro realizaram parto em uma moradora de rua.
Parabéns equipe da Unidade de Ordem Pública Porto Maravilha!

segunda-feira, 23 de junho de 2014

"PACIFICAÇÃO" DE BELTRAME MATA MAIS UM SOLDADO DA POLÍCIA MILITAR

Até quando os Policiais Militares continuarão sendo assassinados nas UPPs?

(Fonte: Expresso)

LANCHE DOS PMs NÃO É "PADRÃO FIFA"

(Fonte: Expresso)

RIO - FUNCIONALISMO - VOTAÇÃO DE REAJUSTES

(Fonte: O Dia)

A POLÍTICA VIVE MOMENTOS DIFÍCEIS NO RIO DE JANEIRO

Prezados leitores, via de regra, discordo do prefeito Eduardo Paes, mas após o anúncio da aliança Sérgio Cabral-Cesar Maia sou forçado a concordar que o Rio de Janeiro vive um "bacanal eleitoral".

(Fonte: Jornal Extra)

(Fonte: Jornal O Dia)


VOCÊ SABE ALGO SOBRE A LICITAÇÃO DOS BLINDADOS COMPRADOS POR BELTRAME?



Os veículos blindados são indispensáveis para a segurança dos Policiais Militares e nos Policiais Civis, portanto, as aquisições devem ser festejadas.
O que nos causa preocupação é o fato do responsável pela compra dos blindados, ou seja, o Secretário de Segurança Pública Beltrame, estar sendo acusado pelo Ministério Público de improbidade administrativa e de superfaturamento de contratos.
Será que a compra dos blindados passou por um processo licitatório?
Será que alegaram alguma filigrana da legislação para dispensar a licitação?
Por favor, quem souber algo sobre a licitação dos blindados nos informe, nós faremos a nossa pesquisa.
Temos que controlar o uso do dinheiro público.