UPPs: CABRAL E BELTRAME "PEGAM NOSSOS GAROTOS E JOGAM AOS LOBOS"



A dor da avó do Soldado PM Rodrigo de Souza Paes Leme no sepultamento de seu neto, assassinado quando estava de serviço em uma Unidade de Polícia Pacificadora, expressou uma grande verdade:
"Eles pegam nossos garotos e jogam aos lobos’, critica avó de soldado morto" (Leia mais). 
Primeiro, devemos identificar quem são "eles": o governador Sérgio Cabral e o secretário de segurança Beltrame.
Sim, eles jogam os jovens Policiais Militares masculinos e femininos de qualquer jeito nas comunidades carentes, sem qualquer infra-estrutura na maioria delas, isso desde o final de 2008.
Jovens inexperientes e que passaram por um curso de formação de Soldados ineficaz para produzir a necessária qualificação. Isso pode ser constatado nas diversas matérias que foram publicadas a esse respeito pela imprensa. Essa não é a minha opinião, essa é a opinião dos PMs entrevistados.
Sim, os PMs jogados nas UPPs são vítimas de uma gestão equivocada na área da segurança pública, uma gestão voltada para os votos e não para a solução dos problemas, tanto que após cinco de implantação do projeto, não podemos dizer que temos uma única comunidade realmente pacificada. O tráfico de drogas continua em todas elas e basta um PM cruzar os limites definidos pelo tráfico para ser recebido com tiros de fuzil.
Sim,  o projeto é todo voltado para o lado eleitoral, tanto que com as proximidades das eleições, Cabral e Beltrame estão implantando UPPs na Baixada e em Niterói,  isso para conseguir votos, regiões que eles saturaram de bandidos quando não prenderam os traficantes das comunidades do município do Rio de Janeiro, os quais foram remanejados para outras regiões.
Sim, querem enganar o povo como fizeram em 2010 e estão fazendo das UPPs o "carro alegórico" da propaganda eleitoral na televisão e no rádio, novamente.
Sim, eles irão continuar jogando PMs jovens nas UPPs, para eles PMs são apenas números. Morre um coloca outro. Como eles circulam em helicópteros, carros blindados e repletos de seguranças, estufam o peito e anunciam que o projeto vai continuar, isso após cada ataque de traficantes e morte de PM, afinal só estão morrendo PMs, não são seus filhos e netos que estão sendo sepultados no Jardim da Saudade.
Sim, a senhora Maria José Rangel de Souza tem razão:
"Eles (Cabral e Beltrame) pegam nossos garotos e jogam aos lobos’, critica avó de soldado morto".