POLICIAIS MILITARES SÃO HUMILHADOS NA "PACIFICAÇÃO"



Quem assistiu ontem o Jornal Nacional da Rede Globo ficou horrorizado com as imagens exibidas em um vídeo, as quais foram captadas por câmeras de segurança da comunidade "pacificada" da Rocinha.
Veja o vídeo (Link) e fique horrorizado.
Um grupo de moradores cerca uma viatura da Polícia Militar, durante o dia, ataca os dois Policiais Militares da guarnição e danifica a viatura policial.
Onde está a anunciada pacificação?
Na Rocinha?
No Complexo do Alemão?
No Pavãozinho?
Ontem, a Polícia Militar foi humilhada na Rocinha.
Policiais Militares foram humilhados na Rocinha.
O Estado não pode ser humilhando.
Rever o projeto de implantação de Unidades de Polícia Pacificadora é indispensável, sobretudo após a morte de 10 (dez) PMs, mas parece que o governo Cabral não fará isso, afinal em outubro temos eleições e a ordem é implantar mais UPPs, afinal, para o governo PMs são apenas números.
"O GLOBO
Grupo ligado ao tráfico ataca PMs para desestabilizar UPP na Rocinha
Cerca de 15 pessoas, todas desarmadas, foram flagradas depredando um carro da corporação em plena luz do dia 
RIO — Um grupo de homens, que seriam “prestadores de serviço” do tráfico, atacou um carro da UPP da Rocinha no último dia 25 de dezembro. Cerca de 15 pessoas, todas sem fuzis ou pistolas, encurralaram um carro da PM numa via da favela, à luz do dia, e passaram a depredar o veículo: elas jogaram tijolos e quebraram os vidros laterais e traseiros do automóvel. Quatro dos manifestantes agrediram os policiais, que não reagiram. As cenas de agressão foram mostradas nesta terça-feira no “Jornal Nacional”, da Rede Globo. De acordo com a reportagem exibida, ações como essa seriam realizadas, a mando dos traficantes, para atrapalhar o trabalho da Unidade de Polícia Pacificadora no local (Leia mais).

Comentários