A "GUERRA" DA ÁGUA ENTRE RIO E SÃO PAULO



O governado de São Paulo, Geraldo Alckmin, não parece dispostos a desistir da ideia de captar água do Rio Paraíba do Sul. Após apresentar seus argumentos no sentido de que a ação não traria prejuízo para a população do Rio de Janeiro, ele agora passa para o ataque e acusa o governo Sérgio Cabral de mal uso do recurso hídrico. Tudo indica que essa disputa vai longe. 
 "DIÁRIO DO LITORAL
Por água, Alckmin agora ataca Cabral
O tucano acusou o governo fluminense de retirar e não devolver água do Rio Paraíba do Sul e de usar a maior parte dos recursos hídricos para produzir energia elétrica
por Agência Estado comentários 
O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), rebateu nesta segunda-feira, 24, as críticas do governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), ao projeto de transposição de água da Represa Jaguari, no Vale do Paraíba, para o Sistema Cantareira. O tucano acusou o governo fluminense de retirar e não devolver água do Rio Paraíba do Sul e de usar a maior parte dos recursos hídricos para produzir energia elétrica e não para o abastecimento da população. 
"O que nós queremos não é transposição. Quem faz transposição é o Rio de Janeiro", disse Alckmin. "O (Rio) Paraíba fica com menos da metade do tamanho depois de Barra do Piraí (cidade onde é feita a transposição para o Rio Guandu, que abastece a Região Metropolitana do Rio). Perde 119 metros cúbicos por segundo dia e noite, todos os anos. Essa água nunca volta para o Paraíba. E grande parte é para gerar energia para a Light", completou o tucano (Leiam mais)".

Comentários

Postagens mais visitadas