quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

RIO: A MAQUIAGEM ou O CASAMENTO DE FACHADA DO PMDB COM O PT ACABOU



Quem assistiu às recentes propagandas políticas do PT na televisão ficou estupefato diante da postura adotada pelo pré-candidato do partido para as eleições 2014, o Senador Lindbergh Farias.
Primeiro, devo admitir que foi brilhante a ideia de usar a maquiagem para representar as ações do governo Sérgio Cabral (PMDB), embora não seja uma novidade na propaganda política, a comparação caiu como uma luva. Sem dúvida, Cabral fez um governo de maquiagem, não resolvendo nenhum problema que afeta a população do Rio de Janeiro. Como dizem os sambistas, muitas alegorias e adereços, nenhum samba no pé. Tudo piorou com Sérgio Cabral (PMDB) e a maquiagem está se desfazendo aos olhos de todos, sobretudo, na área da segurança pública, onde Cabral e Beltrame abusaram dos cosméticos para disfarçar o caos, isso com o apoio de parte da imprensa que tem no governo Cabral um de seus principais anunciantes.
Apesar dessas verdades, o Senador Lindbergh Farias esqueceu que o seu partido, o PT, foi o principal maquiador do governo Sérgio Cabral nesses sete anos. Nenhum outro partido ajudou tanto Cabral a maquiar o Rio de Janeiro, enganado a sofrida população fluminense.
Tanto Lula, quanto Dilma, pegaram o baton, o blush, o rimel, o delineador, a base, a sombra e os pincéis, ajudando Cabral a maquiar o Rio de Janeiro.
Pena que o forte calor dos últimos meses esteja derretendo tudo e mostrando a verdadeira face de um estado abandonado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário