quinta-feira, 6 de fevereiro de 2014

BOMBEIRO CONDENADO POR PEDOFILIA SE APOSENTA COM SALÁRIO INTEGRAL



Nos anos de 2011 e 2012, Bombeiros e Policiais Militares foram presos por estarem participando de uma mobilização por salários dignos e adequadas condições de trabalho.
Alguns foram presos ilegalmente em Bangu 1, uma penitenciária de segurança máxima, por ordem do governo Sérgio Cabral.
Vários foram ameaçados de expulsão das fileiras da POlícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, enquanto outros foram efetivamente expulsos e ficaram meses sem receberem seus salários, sobrevivendo da doação feita por companheiros, isso até que fossem anistiados.
Diante dessas verdades, fica muito difícil entender essa decisão:
"O GLOBO 
Bombeiro condenado por pedofilia se aposenta com salário integral Coronel foi preso em flagrante, em 2010, com adolescente em um motel 
SÉRGIO RAMALHO 
Publicado: 6/02/14 - 5h00 
RIO - Ex-corregedor do Corpo de Bombeiros, o coronel Adilson de Oliveira Perinei, de 57 anos, condenado a 22 anos de prisão pelos crimes de favorecimento à prostituição, posse de fotos de sexo envolvendo crianças e peculato (desviar bem público em proveito próprio), foi aposentado no mês passado, com direito a vencimento integral de R$ 16.276,61. Em janeiro de 2010, o oficial havia sido preso em flagrante com uma adolescente, de 13 anos, em um motel na Rodovia Presidente Dutra.
Na ocasião, de acordo com o inquérito da 24ª DP (Piedade), o coronel usou um veículo oficial, com motorista, para levar mulheres, entre elas uma adolescente, a um motel às margens da rodovia. Na época, o oficial vinha sendo investigado porque a polícia tinha a informação que ele frequentava motéis daquela região com adolescentes. Adilson Perinei foi indiciado com base no artigo 218-b, por submeter, induzir ou atrair à prostituição ou outra forma de exploração sexual alguém menor de 18 anos. Com o coronel, os policiais ainda apreenderam um pen drive com imagens de crianças sendo exploradas sexualmente (Leia mais)". 

Nenhum comentário:

Postar um comentário