sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

RIO: A POPULAÇÃO SE REVOLTA E OS PROTESTOS ESTÃO CRESCENDO



Os governantes brasileiros nos três níveis (federal, estaduais e municipais) precisam aprender de uma vez por todas que a população cansou de pagar muito caro para sustentar o Estado, sem receber a contrapartida devida na forma de serviços públicos, realizados pelo Estado ou por concessionárias de serviço público.
Saúde, segurança e educação públicas são extremamente deficitárias.
Os hospitais públicos são um exemplo claríssimo e gravíssimo do descaso governamental com a vida humana, algo que passa também pela falta de segurança nas nossas ruas. Por sua vez, as escolas parecem fábricas de analfabetos funcionais, comprometendo o futuro de gerações.
A população cansou, eis a verdade.
Cansou de ficar cerca de quatro horas por dia presa em trens, barcas, ônibus e vagões do metrô só para se deslocar de casa para o trabalho e para fazer o caminho inverso.
Cansou de perder um quarto da sua vida no interior desses transportes públicos deficitários.
A população cansou de receber serviços de péssima qualidade e ainda ter que arcar com reajustes no preço dessas passagens.
Isso é uma autêntica covardia.
Prestar um serviço péssimo e reajustar o preço sem melhorar o serviço.
É hora dos governantes acordarem para essa realidade, não concedendo reajustes para concessionárias de serviço público que atendem mal à população.
Não tenham dúvida, a população não pulará apenas as roletas, ela virá para as ruas protestar.
Lembrem-se que ninguém "engoliu" os bilhões gastos na construção e na recuperação de estádios de futebol para a Copa 2014.
Serviços públicos de boa qualidade não se fazem com estádios de futebol.

Nenhum comentário:

Postar um comentário