domingo, 26 de janeiro de 2014

CORPO DE BOMBEIROS EXIGE CUMPRIMENTO DE NORMAS E BEIRA-RIO NÃO É INAUGURADO



Uma atividade muito importante dos Bombeiros Militares e que não é vista pela população é a fiscalização da construção de edificações para que atendam a todas as normas de segurança.
No exercício desse serviço os Bombeiros podem inclusive paralisar obras, determinando o cumprimento de adequações para garantir a segurança da população que irá usar essas edificações.
No Rio Grande do Sul, o Corpo de Bombeiros fez exigências e o Estádio Beira-Rio e adiou a estréia do Estádio Beira-Rio.
Leiam a notícia:
"Yahoo Esporte Interativo 24 de janeiro de 2014.
Corpo de Bombeiros faz exigências, e estreia do Beira-Rio é adiada
A reinauguração do estádio seria na próxima quarta-feira, dia 29; primeiro evento-teste deve ocorrer no domingo, 2 de fevereiro O estádio deve ser totalmente finalizado até o dia 28 de fevereiro. 
Natalia Mauro/Internacional. 
Obras de modernização do Beira-Rio
Obras nos estádios da Copa avançam! 
O estádio deve ser totalmente finalizado até o dia 28 de fevereiro. 
O planejamento do Internacional terá que ser readequado, já que o clube se viu obrigado a adiar o primeiro-evento teste do novo Beira-Rio, por conta de uma exigência do Corpo de Bombeiros. A reinauguração do estádio seria na próxima quarta-feira, dia 29, em jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Gaúcho, contra o São Paulo de Rio Grande. Porém, com a mudança, a partida será realizada no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo.
Em nota oficial, o Colorado explicou que a interdição de uma passarela por parte da Delegacia Regional do Trabalho impossibilitou a finalização da instalação e teste dos refletores, o que foi decisivo para o adiamento.
No dia 15, ocorreu uma primeira vistoria em que o Corpo de Bombeiros já admitia que seria difícil de adequar o estádio a tempo da estreia. O Inter chegou a enviar os laudos com algumas adequações, mas a vistoria final no Beira-Rio ainda não aconteceu. A partida serviria para avaliar o desempenho do estádio, ainda em reformas, de olho na Copa do Mundo, quando o estádio será um dos 12 palcos da Copa do Mundo no Brasil e receberá cinco jogos. Com o adiamento, o Inter terá uma semana para realizar todos os possíveis reparos necessários para receber o Corpo de Bombeiros e obter a liberação do estádio para o jogo de domingo, dia 2 de fevereiro, contra o Cruzeiro de Porto Alegre, pelo Gauchão. Nessas partidas de evento-teste, serão 10 mil sócios que ficarão espalhados pelo anel inferior, ou Nível 1,em uma espécie de rodízio entre os associados para cada partida".

Nenhum comentário:

Postar um comentário