segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

GOVERNO CABRAL INVADE MUSEU DO ÍNDIO E PRENDE 25 INDÍGENAS



O povo do Rio de Janeiro se mobilizou e conseguiu salvar o Museu do Índio, o qual seria destruído em razão das obras para a Copa 2014. Eu fiz parte dessa luta pela preservação do local. Ontem, o Batalhão de Choque invadiu e desocupou o local, prendendo 25 indígenas.
O DIA
16/12/2013
Polícia desocupa Museu do Índio e leva cerca de 25 manifestantes à delegacia
Pista sentido Centro da Radial Oeste foi fechada por Homens do Batalhão de Choque
odia.ig.com.br
Cerca de 25 indígenas foram levados para a 18ª DP (Praça da Bandeira) na manhã desta segunda-feira por policiais do Batalhão de Choque da PM após nova ocupação ao Museu do Índio. A pista sentido Centro da Radial Oeste foi fechada a partir da Rua São Francisco Xavier, após o Viaduto da Mangueira, por cerca de 2h30. A via foi reaberta por volta das 10h. O grupo foi retirado do museu e levado para um ônibus da PM.
Por volta das 9h40, PMs tentavam retirar um indígena que estava em cima de uma árvore. Alguns manifestantes ficaram feridos com hematomas ao tentar resistir à desocupação.
Em nota, o Governo do Estado informou que o antigo Museu do Índio não será derrubado. Ele será transformado em um Centro de Referencia das Culturas Indígenas.
O tráfego está liberado na via a partir da Avenida Maracanã, na altura do Cefet. Os reflexos da interdição podem ser percebidos na Avenida Marechal Rondon, na altura da Rua Barão do Bom Retiro, no Engenho Novo. Motoristas devem optar pela Rua Visconde de Niterói para seguir para o Centro. O tráfego é desviado pela Rua São Francisco Xavier.

Nenhum comentário:

Postar um comentário