quarta-feira, 17 de julho de 2013

Policiais e bombeiros do Estado do Rio podem ter seguro de vida



poderão ganhar seguro contra acidentes no trabalho
poderão ganhar seguro contra acidentes no trabalho Foto: Alexandro Auler



A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público da Câmara dos Deputados aprovou, no último dia 10, uma proposta para criar um seguro de vida com o objetivo de cobrir mortes e acidentes sofridos por bombeiros e policiais civis, militares, rodoviários, ferroviários e federais no exercício de suas funções. A ideia é que o valor corresponda a três meses do último salário recebido pelo servidor.
A divisão da indenização seria semelhante à de uma pensão, com o cônjuge recebendo o valor integral, caso não tenha filhos com o policial ou o bombeiro. Se ele deixar herdeiros, metade será deles e a outra, do marido ou da mulher. O deputado Roberto Policarpo (PT-DF), relator da proposta na Comissão de Trabalho, disse que o seguro poderá ser pago inclusive a um policial ou um bombeiro que, mesmo de folga, preste socorro a pessoas em perigo e, em decorrência disso, sofra um acidente ou morra.
O projeto já foi aprovado pela Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado e será analisado pelas de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara.



Nenhum comentário:

Postar um comentário