DESCASO ABSOLUTO COM A REGIÃO SERRANA DO RJ


Sobe para treze o número de mortos em Petrópolis por causa das fortes chuvas


 As fortes chuvas que caíram em Petrópolis, na região serrana fluminense, entre a noite de domingo (17) e a madrugada desta segunda-feira (18), deixaram pelo menos dez mortos, segundo a Secretaria Estadual de Defesa Civil do Rio de Janeiro.
Dois técnicos da Defesa Civil estão entre as vítimas. Eles trabalhavam no resgate de desaparecidos na Vila São Joaquim, próximo à Rua Espirito Santo, no bairro Quitandinha, e acabaram soterrados. 
As chuvas provocaram inundações em vários pontos da cidade. Segundo o secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, os rios Quitandinha e Piabanha transbordaram. “O Rio Piabanha é o que mais nos preocupa porque corta Petrópolis de ponta a ponta”, disse Minc.
A Rodovia Rio-Juiz de Fora está parcialmente interditada em sete pontos, em razão de deslizamentos de terra. O trecho de subida da serra, na altura do quilômetro 75, chegou a ficar completamente fechado, mas foi liberado no fim da madrugada de hoje.

Chuva castigou Petrópolis
Chuva castigou Petrópolis

Segundo a Defesa Civil, pelo menos 50 pessoas estão desalojados em três bairros e um sub-bairro de Petrópolis. "O governo do estado mobilizou toda a sua estrutura, especificamente a do Instituto Estadual do Ambiente com máquinas e caminhões para que a gente possa desobstruir vias", afirmou o secretário estadual de Defesa Civil do Rio de Janeiro, Sérgio Simões. De acordo com Simões, em Petrópolis choveu mais de 300 milímetros em 24 horas. O volume de chuva esperado em um mês no município é 270 milímetros.
O prefeito de Petrópolis, Rubens Bomtempo, destacou que a prioridade no momento é resgatar os corpos das vítimas. "Decretamos ponto facultativo nas escolas. Os serviços estão prejudicados e continua chovendo na cidade. O governo do Estado disponibilizou máquinas e pessoal para ajudar nos trabalhos."
O desgaste que esta questão já gerou, excede toda forma de compreensão que poderíamos alcançar. Este é o exemplo cabal do mais total e absoluto descaso e desinteresse do governo do estado, e também por parte do poder judiciário que definitivamente cruzou os braços e não toma nenhuma providência a despeito da má administração deste governo, que já é responsável pela perda de inúmeras vidas, através de acidentes que poderiam ter sido evitados se os investimentos programados tivessem sido feito. 
A decepção, frustração, indignação, dor e impotência que sinto ao escrever este comentário é imensa, a ponto de acreditar que só uma mobilização muito intensa e firme, sem tempo pra terminar, por parte da população desta região, poderá salvá-los de futuros casos semelhantes. Infelizmente temos admitir que o povo da região serrana estão
Fonte: jb online
ABANDONAAAAAAAAAAAADOS!!!!!!!!!!!