segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

REUNIÃO EXTRAORDINÁRIA DECIDE PELO FIM DA ATUAL ASSOCIAÇÃO


Sábado, dia 16 de fevereiro de 2013, participamos de mais um encontro com nossos irmãos bombeiros  , desta vez para discutirmos o futuro da nossa prezada associação. Fui avisado com pouca antecedência da realização deste evento nesta data, uma vez que seu presidente (Daciolo) decidiu antecipar este encontro .
Mesmo diante de outros compromissos já agendados, não poderia perder a oportunidade de estar novamente com amigos tão leais e que tanto contribuíram  para o sucesso do nosso projeto, que na verdade está em andamento e em breve elegerá mais representantes bombeiros para o bem da nossa corporação.
Atento às propostas apresentadas pelos companheiros, percebi  haver um debate, que dividia opiniões acerca da extinção ou não da nossa já existente associação, com o argumento de renovar toda a diretoria constituída, uma vez que a atual diretoria é composta por bombeiros que foram excluídos da corporação pelas suas importantes contribuições em nossa luta por dignidade, e o fato de  alguns desses bombeiros excluídos me ajudarem informalmente em algumas funções de vereador no gabinete,  poderia prejudicar a imparcialidade destes ao avaliar a conduta do vereador. Concordei plenamente! Os diretores não precisam ser os bombeiros excluídos. Qualquer um pode ser. Mas precisa ser alguém que se identifique com a causa e seja identificado pelos bombeiros como um fiel defensor dos seus interesses.
Com o único interesse de agilizar o funcionamento da nossa tão sonhada associação, defendi a ideia de não deletá-la e sim construir uma solução alternativa, que preservasse a Associação existente e retirasse das mãos dos excluídos sua direção.
Confesso que fiquei um pouco inseguro  com o fato de sermos um grupo desfalcado naquele momento, para  tomar sérias decisões em uma assembléia onde podíamos constatar a ausência de pessoas  muito importantes, provavelmente pela mudança repentina da data do evento e a natural dificuldade da convocação via telefone de tantas pessoas para compor uma reunião dessa magnitude, porém a maioria presente decidiu continuar e assim concordei.
Então propus aos presentes que a atual associação fosse mantida, e que a partir de segunda feira iniciássemos o cadastramento dos associados para depois reunirmos uma Assembleia Geral, para nos termos do Estatuto, reformá-lo, reduzir o tempo de permanência da atual diretoria, e na sequência realizar a eleição conforme determina o estatuto que nós mesmo criamos, reduzindo assim em muitos meses o início da entrada em atividade da Associação. No período entre a presente data e da eleição da nova diretoria, uma diretoria provisoria substituiria informalmente os excluídos na gestão da Associação imediatamente.
Depois de uma democrática votação onde muitos argumentos relevantes foram levantados, dentre eles o pedido pessoal do nosso amigo Benevenuto, que apresentou questões pessoais e íntimas junto a alegação da inviabilidade de permanecer como nosso presidente, querendo assim ter seu nome desvinculado imediatamente de qualquer tipo de organização. Diante   destes fatos, a proposta apresentada por mim juntamente com alguns militares excluídos, que ocupam no "papel" a atual diretoria, não prevaleceu.
Desde já, gostaria de deixar claro que a partir de agora o que foi decidido pelo grupo é também a nossa bandeira, pois somos defensores de mecanismos democráticos como o que estamos construindo a cada reunião, onde o que é decidido pelo grupo passa a ser responsabilidade de todos. 
Esperamos agora as próximas reuniões, para depois das novas decisões, eu possa contribuir  percorrendo os quarteis, desta vez a fim de  associar os bombeiros, para assim construirmos uma associação forte para nos representar e defender nossos direitos. Esperamos que seja logo, pois a cada cada dia de inatividade da associação é mais um dia de afastamento da nossa dignidade e de retrocesso no nosso projeto de valorização do bombeiro.
Finalizando gostaria de deixar registrado meu agradecimento aos colegas que mesmo não concordando com minha sugestão, ouviram educadamente minhas ideias e respeitaram meu posicionamento em defesa da atual Associação e do início imediato de suas atividades já com sua nova diretoria.



Aproveitando a oportunidade fica aí nosso pedido! Dilma, receba o Daciolo!

9 comentários:

  1. Valdelei Duarte, Sub.Ten.BM excluído covardemente.18 de fevereiro de 2013 09:13

    Isso é muito bom, devemos sempre demonstrarmos UNIÃO e HUMILDADE nas decisões, e se a DEMOCRACIA prevalecer, as questões ficam mais fácil de se resolvidas. Parabéns Daciolo, apoio e respeito integralmente sua decisão, assim também como a postura do nosso vereador SOS BOMBEIROS, Maj.BM MARCIO GARCIA. Que mesmo não conquistando a maioria com a sua posição e opinião abraçou e declarou que vai apoiar a criação da NOVA ASSOCIAÇÃO.É isso !!! É isso !!!
    JUNTOS SOMOS FORTES E UNIDOS SEREMOS IMBATÍVEIS.

    ResponderExcluir
  2. AGORA! SO FALTA UM SALARIO DIGNO, DE 4.500,00 PRA COMEÇAR, PARA O SD. AONDE O RIO TEM PLENAS CONDIÇÕES DE SE PAGAR BEM, POIS OS INVESTIMENTOS SERÃO PRA SEMPRE, E AINDA TEM O PRE-SAL, ENTRE OUTRAS COISAS. AUMENTOU O NUMERO DE VEICULOS, COMO CONSEQUENCIA AUMENTOU O IPVA E CONSUMO DE GASOLINA/ALCOOL E AFINS, BEM COMO O ICMS. VIRAM COMO É FACIL VE QUE AS COISAS MELHORARAM. JUNTOS SOMOS FORTES
    Att. Vingador

    ResponderExcluir
  3. O VELHO COROCO E O MALANDRÃO, TERÃO O MESMO FIM QUE LEVOU A PEDRITA, OU SEJA O ANONIMATO, E HOJE NEM PODE ENTRAR NOS QUARTEIS. PORQUE QUE CORONEL, GANHA GRATIF. DE R$100 DE TRANSP. SE ELES ANDAM PARA CIMA E PARA BAIXO, COM OS VTR DO CBMERJ, OS ARs. ALGUÉM PRECISA DENUNCIAR ISSO, OU SERÁ QUE VAMOS NOS CALAR?

    ResponderExcluir
  4. O CBMERJ esta demonstrando com atitudes as festas das promoções sem critério e sem respeito a proporcionalidade, em principal a dos Oficiais Superiores. Quando falo em proporcionalidade, digo da seguinte forma cargos de Cel, Ten Cel e Major de acordo com as funções e com o quadro! Acontece que eles não tem mas aonde colocar Oficial Superior. Ten Cel comandando DBM, As defesas Civis Municipais viraram depósitos. Só Defesa Civil de Duque de Caxias, antes com BM Oficiais subalterno e um Oficial Superior agora conta com 02 0u 03 Ten Cel e uns Maj,s! O COCB não cabe mais. O Projeto Tempo certo Ten Ten Cel a da pau, Maj da RR tirando função de CapRR, Quer dizer ta a Culha! Isso é um absurdo! Fora os que nem vão la tão na varanda! Vergonha! Não existe mais respeito! E os querem as coisas acertadas são isolados!

    ResponderExcluir
  5. Eles agora inventaram um agente pago pelo Governo do Estado e assim o prefeito fica na mão deles e bota na Defesa Civil quem eles indicarem!

    ResponderExcluir
  6. Vocês do SOS estão maluco, não estão não! Acabar com a Associação, destituir os excluídos, os que lutaram. Vedm com essa balela d que o vereador não pode acolhe´los trabalhando no Gabinete! E a maneira diferente de ver a coisas que levaram Vc a tudo que aconteceu!
    Os 13 tem que ser acolhidos, tem que pertencer aos gabinetes que esta e os que viram e a associação sim.
    Brigada de Luz!

    ResponderExcluir
  7. A ASSOCIAÇÃO PARA A BUSCA DE MELHORIAS, SEJAM SALARIAIS SEJAM DE VIDA TANTO DE SERVIDORES CIVIS QUANTO MILITARES TEM QUE SER UMA BUSCA CONSTANTE DE TODOS E HOJE MAIS DO QUE NUNCO NINGUÉM QUE VENHA A LUTA PELA VERDADE PODE DESPOJAR NINGUÉM, PRINCIPALMENTE OS QUE FORAM OS PRIMEIROS NA LUTA.
    POIS EM SE FAZENDO ASSIM ESTARÃO CONTRIBUINDO PARA OS LOBOS SEPARAREM AS OVELHAS PARA ATACALAS E MATA-LAS.
    A LUTA DEVE SER UMA CONSTANTE EM BUSCA DE PESSOAS QUE TENHAM VISÃO DE VIDA DIFERENTE DO QUE AI ESTA PARA QUE POSSAMOS COLHER UMA NOVA SOCIEDADE MADURA E CONSCIENTE.
    MÃO ESQUEÇAM NO MUNDO QUE VIVEMOS NEM SEMPRE QUEM É MAL FALADO É CRIMINOSO, PODE SER QUE O CRIMINOSO SEJA QUEM FALE.

    ResponderExcluir
  8. SGT MARCELO JUNIOR 21º GBM ITAPERUNA12 de abril de 2013 11:08


    MANIFESTO ITAPERUNENSE!
    Companheiros! Quando aquela meia dúzia de “malucos” se reuniram na orla carioca para reclamar de suas condições de trabalho, não imaginavam que estavam lançando a semente do maior movimento social da História recente do Estado do Rio de Janeiro. Com o advento da internet seus anseios rapidamente ecoaram nos quatro cantos do estado, e que por serem legítimos, encontraram grande apoio entre seus pares. A opinião pública compreendeu que era momento de socorrer a mais querida das instituições. Lotávamos as escadarias da ALERJ. Modificamos a paisagem da cidade. Demos uma verdadeira “aula” de cidadania. Decorridos dois anos, acertamos mais do que erramos, vencemos grandes batalhas, derrotamos grandes inimigos, estes maiores e mais bem armados do que nós, sofremos baixas, pois afinal faz parte do jogo. Agora, nossa mais importante batalha se aproxima, pois enfrentaremos nosso pior inimigo, grandes líderes ao longo da história sucumbiram diante de sua força, seu nome “General Ego”, ele tem o poder de transformar fortes em fracos, amáveis em agressivos, humildes em prepotentes, neutralizando nossa maior arma, que é nossa união, e que foi juntamente com o apoio da população o grande combustível de nossas vitórias.
    Irmãos é chegado o momento de entendermos que tal batalha pode sim ser vencida, que o movimento “SOS BOMBEIROS” está acima de interesses pessoais. Devemos olhar para o companheiro ao lado e reconhecer nele um amigo, um companheiro de luta, e que como tal, foi tão importante quanto você para que esse movimento obtivesse êxito. A união tão necessária e que certamente nos levará a mais essa vitória, só depende de nós.

    ResponderExcluir
  9. SGT MARCELO JUNIOR 21º GBM ITAPERUNA12 de abril de 2013 11:11


    MANIFESTO ITAPERUNENSE!
    Companheiros! Quando aquela meia dúzia de “malucos” se reuniram na orla carioca para reclamar de suas condições de trabalho, não imaginavam que estavam lançando a semente do maior movimento social da História recente do Estado do Rio de Janeiro. Com o advento da internet seus anseios rapidamente ecoaram nos quatro cantos do estado, e que por serem legítimos, encontraram grande apoio entre seus pares. A opinião pública compreendeu que era momento de socorrer a mais querida das instituições. Lotávamos as escadarias da ALERJ. Modificamos a paisagem da cidade. Demos uma verdadeira “aula” de cidadania. Decorridos dois anos, acertamos mais do que erramos, vencemos grandes batalhas, derrotamos grandes inimigos, estes maiores e mais bem armados do que nós, sofremos baixas, pois afinal faz parte do jogo. Agora, nossa mais importante batalha se aproxima, pois enfrentaremos nosso pior inimigo, grandes líderes ao longo da história sucumbiram diante de sua força, seu nome “General Ego”, ele tem o poder de transformar fortes em fracos, amáveis em agressivos, humildes em prepotentes, neutralizando nossa maior arma, que é nossa união, e que foi juntamente com o apoio da população o grande combustível de nossas vitórias.
    Irmãos é chegado o momento de entendermos que tal batalha pode sim ser vencida, que o movimento “SOS BOMBEIROS” está acima de interesses pessoais. Devemos olhar para o companheiro ao lado e reconhecer nele um amigo, um companheiro de luta, e que como tal, foi tão importante quanto você para que esse movimento obtivesse êxito. A união tão necessária e que certamente nos levará a mais essa vitória, só depende de nós.

    ResponderExcluir